NextPit

Como deixar o smartphone pronto para seu pai ou sua mãe usar

AndroidPIT alcatel a5 led 4329
© NextPit

Poucos dias atrás, falei aqui de como o Android pode ser intimidador para quem não o conhece. Ainda assim, pela extensa faixa de preço e pela alta capacidade de personalização, ele continua sendo a melhor opção para nossos pais, avós e outras pessoas que não estão muito familiarizadas com tecnologia.

NextPit Logo white on transparent Background
NEXTPITTV

Afinal de contas, é difícil e até segregador ficar, hoje em dia, sem qualquer acesso a internet ou ligações. Um smartphone pode ser muito mais barato que um computador, e por isso pode ser a porta de entrada para muitos nesse maravilhoso mundo. Hoje vou ensinar como deixar um smartphone pronto para um uso mais simples.

Perceba o clima

Primeiro, converse com a pessoa que irá ter um novo smartphone e entenda como é o conhecimento dela sobre tecnologia móvel e qual a vontade dela de aprender algo novo. Caso seja curiosa, você pode ensinar como usar o smartphone em seu estado natural mas, caso e pessoa não queira ou já não possa ter essa curva de aprendizado, você deve facilitar as coisas para ela.

Não entregue apenas a caixa

Dar o aparelho lacrado para que a pessoa abra e comece a utilizar por si só pode não ser uma boa ideia. Abra o aparelho antes e faça a configuração inicial do Android. Decida se o email cadastrado será o seu ou se vale abrir uma conta nova para o usuário daquele aparelho. Quanto mais fácil você deixar para a pessoa que não entende muito, mais chances de ela realmente usar o aparelho.

Passe pelas conexões

Com o aparelho já inicialmente configurado, passe na área de "Configurações" (ou Ajustes, dependendo da marca) e já deixe o que der arrumado.

É importante passar em "Wi-Fi" e já conectar o smartphone na rede Wi-FI mais utilizada. Por lá, também entre nas configurações e desative "Notificação de rede". Na área "Cartões SIM" é bom configurar as informações para dados móveis, e lembrar de desativar o Roaming para que não haja gastos excessivos. Para isso, vá em "Uso de dados" e no menu de três pontinhos, escolha "Redes móveis", desativando o Roaming para cada chip.

idosos conexoes2
Cuide das conexões para economizar bateria e trazer segurança / © NextPit (captura de tela)

Desligue conexões como Bluetooth e NFC caso nenhum acessório ou serviço vá ser utilizado com esses protocolos. Isso economiza bateria e deixa o aparelho mais seguro. Para isso, passe em "Bluetooth" e em "Mais".

Cuide da tela e do tamanho do que será mostrado nela

Em "Tela" (nas Configurações) escolha se quer ou não o brilho adaptável e por quanto tempo a tela deve ficar ligada. Pessoas mais idosas podem precisar de um tempo um pouco maior de tela, mesmo que custe bateria. Aumente o tamanho da fonte em "Tamanho da fonte" e deixe os itens na tela maiores em "Tamanho de exibição".

idosos tela
Ajustes de tela para o usuário enxergar melhor / © NextPit (captura de tela)

Escolha um fundo de tela de boa legibilidade, um que permita ler facilmente o nome dos aplicativos e ver onde eles estão (vá em "Tela" e depois em "Plano de Fundo").

Pode ser importante passar pela seção "Acessibilidade"  (nas Configurações) e ativar funções como "TalkBack" ou "Selecione para falar" para que o aparelho fale em voz alta o que está acontecendo. Em "Gesto de ampliação" você ativa um zoom especial através de toques na tela.

idosos acessibilidade
Acessibilidade, essa inexplorada / © NextPit (captura de tela)

Pode ser que o aparelho em questão seja de uma marca que tenha a possibilidade de ativação do chamado Modo Fácil, presente, por exemplo, em muitos smartphones da Samsung. Ele deixa a interface com botões maiores e apenas o essencial para um uso simples.

Veja mais configurações

Faça o trabalho de formiguinha e, em "Notificações" desative ou limite as notificações desnecessárias de alguns apps. Em "Som" escolha um toque claro e alto para ligações e configurações, e em "Bateria", selecione "Economia de bateria" e peça para ativar quando a porcentagem estiver baixa. Algumas marcas permitem uma personalização maior desses perfis, então deixe algo que não prejudique a leitura e o uso do aparelho.

idosos configuracoes
Ajustes extras para o aparelho / © NextPit (captura de tela)

Em "Localização", mantenha-a ativa e em modo de alta precisão, pois isso pode vir a ser útil. Na seção de "Segurança" crie um bloqueio de tela que seja mais confortável para a pessoa que vai usar, mas não deixe de ter um. O aparelho pode ser perdido ou roubado e isso pode dar uma enorme dor de cabeça. O leitor biométrico pode ser uma ótima solução.

Para facilitar a escrita, visite "Idiomas e entrada" e depois "Teclado virtual'. Escolha o teclado que vai ser utilizado e depois vá em "Preferências". Em "Altura do teclado" você deixa as letras mais fáceis de serem alcançadas, e pode também habilitar som e vibração ao tocar a tecla, dando um retorno melhor para quem vai escrever.

idosos teclado
Configure o teclado para uma escrita mais livre / © NextPit (captura de tela)

Se preferir, desabilite funções de correção automática e também de escrita por arrasto, para não dificultar mais a vida de quem já terá que se acostumar a pequenas teclinhas virtuais.

Liste os telefones mais importantes

Sim, ainda tem gente que usa o smartphone para ligações, e você precisa deixar isso pré-configurado no aparelho desse usuário. Colete os números mais importantes e deixe-os na agenda da pessoa. Números como o seu, de outros familiares e amigos são essenciais.

Porém, não se esqueça de números úteis como o da Emergência (190), Ambulância (192), Bombeiros (193), plano de saúde e algum outro serviço que possa ser importante, como algum curso ou tutor.

Veja os aplicativos

Já deixe instalado tudo o que a pessoa irá precisar para usar bem o smartphone. Dependendo da idade e da necessidade, os aplicativos mais populares serão os motivos principais para o uso de um smartphone. Apps como WhatsApp e Facebook Lite são alguns deles, mas aproveite para perguntar o que mais seria útil.

encontre meu dispositivo
O aplicativo coringa do Android / © NextPit (capltura de imagem)

Apps que facilitam a vida como lista de tarefas, lista de compras, alarmes, lanternas, lupas, transporte particular e outros serão uma surpresa que farão a pessoa usar muito mais o aparelho. Não se esqueça de instalar o app "Localizar meu dispositivo" e siga nosso tutorial abaixo para configurá-lo.

E, para confundir menos, tente desinstalar o máximo possível de apps que não serão utilizados, como bloatware de operadoras e apps nativos do aparelho. O que não puder ser desinstalado, desative.

Launchers para idosos

Caso o aparelho vá para uma pessoa idosa que tem realmente pouco conhecimento de smartphones e tecnologia, um launcher especial pode ser a solução. A maior parte das interfaces não são nada bonitas, mas se forem funcionais, é o que basta.

O mais famoso é o "Wiser", que além de ser gratuito, oferece uma interface não muito feia. São enormes botões para contatos, discados, mensagem e outros, com sistema de arrastar janelas como no Android. Há uma área de contatos favoritos, apps favoritos e quadro de avisos. Permite acesso às notificações normalmente.

idosos wiser
O launcher Wiser / © NextPit (captura de tela)

O Necta Launcher não é bonito, mas é prático e um pouco mais completo. Na interface há botões em um grid com acesso aos principais apps e botões que informam o número de telefone da pessoa, posição (com botão para compartilhar e mostrar o caminho e casa), lanterna, SOS e outros. É pago, mas é cheio de funções.

idosos necta3
O launcher Necta / © NextPit (captura de tela)

Já o Phonotto passa por uma configuração inicial para você escolher o que pode e o que não pode ser feito no aparelho. É possível colocar um PIN para desbloqueio, escolher números para ligação rápida, etc. É uma das interfaces menos feias, mas ainda um pouco bagunçada. Traz acesso aos contatos e espaço para apps além do telefone e tem até app exclusivo de fotos.

idosos phonotto
O launcher Phonotto / © NextPit (captura de tela)

O Grand Launcher é o suprassumo da simplicidade. O visual dói os olhos, mas é o mais fácil de todos, transformando o smartphone em um feature phone. Botões enorme levam a telefone, SMS, lanterna, fotos e outros. Onde você tocar, uma mensagem de texto na tela dá informações, e ao entrar em qualquer coisa, tudo se resume a enormes botões práticos. É pago.

idosos grandlauncher
O launcher Grand Launcher / © NextPit (captura de tela)

Pronto, o aparelho deve estar pronto para uso. Não se esqueça de, sempre que possível, dar uma olhadinha no smartphone da pessoa para verificar se nada foi desconfigurado, se não há apps maliciosos instalados, se ainda há espaço na memória e se algo pode ser melhorado.

Essas dicas foram úteis? Você conhece alguém que pode utilizar o aparelho dessa maneira?

Gostou do artigo? Então compartilhe!
Comentar agora

Artigos recomendados

Os comentários favoritos dos leitores

  • Soterio Salles 16/12/2017

    Geralmente em casa sou eu quem configuro os smartphones.... Criei uma conta Google pra cada um (pai e mãe) com senha guardada comigo e usando meu email como o endereço de recuperação.
    Sou eu quem faço todo o processo de configuração e instalo os apps úteis ou inúteis (WhatsApp estou falado de você Kkkkkkkkkk) e só então entrego na mão deles.
    Meu pai já usa com uma certa facilidade os recursos básicos e apps de mensagens ou redes sociais... Mas as vezes ele mexe demais sem ter muito conhecimento e eu tenho que "consertar as cagadas" mas ele acaba aprendendo um pouco mais. Resumindo, ele se vira bem até.
    Minha mãe vai não contramão e não quer nem enviar SMS mas ela tira fotos ou usa o smartphone pra pegar receitas (app do Tudo Gostoso) de resto não adianta ensinar muito porque ela esquece em menos de uma hora (memória de peixe kkkkkkkkkkkkkkkkkk), eu até deixo o launcher padrão de um jeito simplificado pra ela usar já que é só isso que ela vai fazer.

  •   47
    Conta desativada 15/12/2017

    A Samsung da a opção de início fácil, com ícones maiores....baixe os aplicativos mais usados, use somente o básico, aos poucos vão pegando o jeito.... E pegam rápido.. Minha vó tem 98 anos e usa o WhatsApp acredita?... rs

  • Sidney 15/12/2017

    Muito legal as dicas. Mas fica mais legal se deixar a pessoa abrir a caixa (nada como ser o primeiro a abrir um brinquedo novo) e depois configurar tudo isso na frente dela. Assim a pessoa já começa a se familiarizar com o aparelho enquanto observa o que você está fazendo. E o melhor, se fizer isso na ceia de Natal não vai precisar ficar conversando com o cunhado chato, a menos que ele venha te ajudar a configurar. Aí ferrou tudo.

  • Sidney 15/12/2017

    Mas, Agnaldo, pela tua idade a tua mãe deve ser nova. Ela não sabe mexer em um android?

  • Ilan E. 16/12/2017

    Minha mãe comprou um LG X Power, quando abriu a caixa eu tinha que configurar tudo, a senha do Wi-Fi, a conta Google, instalar os apps como o Facebook e Whatsapp, ensinei como faz e recebe ligação e ainda ensinei a usar a função de 2 toques para ligar e desligar a tela.

63 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Victor Lima 17/12/2017 Link para o comentário

    de minha sempre eu ajudo a iniciar tudo kkkkkk


  • Deivis Schuman 17/12/2017 Link para o comentário

    Meu pai tem 65 anos de idade! No começo do ano comprei um Meizu M2 Note pra ele, ensinei só o básico depois dele mesmo ter desembrulhado o presente abrido a caixa e ver que era um Smartphone e se emocionar! Não tem preço que pague isso! E que graça teria eu ter mexido primeiro que ele no Smartphone?


  • Marcelo Roder Ferreira 16/12/2017 Link para o comentário

    Uma dica que eu dou é configurar um launcher como o nova launcher com os apps que seu pai ou mãe vai utilizar com mais frequência e travar a área de trabalho


  • Daniel 16/12/2017 Link para o comentário

    Matéria muito prestativa, desconhecia esses launchers focados em acessibilidade, com certeza irá me ajudar na hora de dar aquele suporte pros meus pais.


    • Gabriel Lima 16/12/2017 Link para o comentário

      Concordo, é sempre bom aprender mais, principalmente pra ajudar as pessoas que precisam deste tipo de acessibilidade, parabéns pela matéria Stella.


  • Junior Fornazi 16/12/2017 Link para o comentário

    quando passei um galaxy s3 para a minha mãe a primeira coisa que fiz foi habilitar o modo fácil kkkkkkkkkkk... agora ela esta com um moto E4 mas já se habituou com a interface stock


  •   54
    Conta desativada 16/12/2017 Link para o comentário

    Aqui vamos comprar um para minha sogra que quer falar no Whatsapp lá do Piauí pra BSB, em chamada de vídeo. Vou usar essas dicas no dela afim de facilitar, e vou priorizar um Samsung.


  •   54
    Conta desativada 16/12/2017 Link para o comentário

    Muito útil as dicas. Quando precisar já sei como personalizar melhor ainda.


  • Neto Castro 16/12/2017 Link para o comentário

    Eu ainda acho o modo fácil da Samsung complicado pro meu avô por exemplo! Ele tem um dumb e ainda se enrola! Só usa pra discar o numero e apertar o verde que faz a chamada! Haha! Imagina com um Smartphone! E nada contra o modo fácil da Samsung, eu acho ele bem interessante!


  • Roberto Oliveira 16/12/2017 Link para o comentário

    Todo mundo que tem uma mãe, pai, tio, tia e etc e ja precisou mexer no aparelho deles com ctz viu um filme passando diante dos olhos enquanto lia cada item!

    Detalhe que eu não conhecia os Launchers, achei genial!


  • Soterio Salles 16/12/2017 Link para o comentário

    Geralmente em casa sou eu quem configuro os smartphones.... Criei uma conta Google pra cada um (pai e mãe) com senha guardada comigo e usando meu email como o endereço de recuperação.
    Sou eu quem faço todo o processo de configuração e instalo os apps úteis ou inúteis (WhatsApp estou falado de você Kkkkkkkkkk) e só então entrego na mão deles.
    Meu pai já usa com uma certa facilidade os recursos básicos e apps de mensagens ou redes sociais... Mas as vezes ele mexe demais sem ter muito conhecimento e eu tenho que "consertar as cagadas" mas ele acaba aprendendo um pouco mais. Resumindo, ele se vira bem até.
    Minha mãe vai não contramão e não quer nem enviar SMS mas ela tira fotos ou usa o smartphone pra pegar receitas (app do Tudo Gostoso) de resto não adianta ensinar muito porque ela esquece em menos de uma hora (memória de peixe kkkkkkkkkkkkkkkkkk), eu até deixo o launcher padrão de um jeito simplificado pra ela usar já que é só isso que ela vai fazer.


  • José Luís Silva Martiniano 16/12/2017 Link para o comentário

    Sensacionais instruções, muito legais.


    •   54
      Conta desativada 16/12/2017 Link para o comentário

      Também achei. Muito útil


  • Ilan E. 16/12/2017 Link para o comentário

    Minha mãe comprou um LG X Power, quando abriu a caixa eu tinha que configurar tudo, a senha do Wi-Fi, a conta Google, instalar os apps como o Facebook e Whatsapp, ensinei como faz e recebe ligação e ainda ensinei a usar a função de 2 toques para ligar e desligar a tela.


    •   54
      Conta desativada 16/12/2017 Link para o comentário

      Muito legal.

Mostrar todos os comentários
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.