Confira dicas para detectar fake news na internet

Confira dicas para detectar fake news na internet

As chamadas fake news são informações falsas, geralmente sensacionalistas compartilhadas na internet como se realmente fossem notícias verdadeiras. Notícias mentirosas e sensacionalistas, no jornalismo, são realidade faz muito tempo, masa esse é um fenômeno muito mais recente.

Claire Wardle, fundadora da ONG First Draft News, abrigada no Shorenstein Center na Universidade Harvard com o intuito de combater com métodos de pesquisa as informações falsas na internet, identificou em 2017 sete classificações para as fake news:

  • Sátira ou paródia: sem intenção de ser nociva, mas com potencial para enganar.
  • Conteúdo enganoso: utiliza a informação mentirosa intencionalmente para moldar um problema ou indivíduo.
  • Conteúdo com impostor: quando fontes verdadeiras são citadas como se dissessem coisas que na realidade nunca falaram.
  • Conteúdo fabricado: conteúdo 100% fabricado, com informações e/ou fatos mentirosos visando causar danos a outrem.
  • Falsa conexão: quando as manchetes, artifícios gráficos ou legendas não dão suporte, ou não tem conexão, com o conteúdo escrito.
  • Contexto mentiroso: quando conteúdo 100% verdadeiro é compartilhado em um contexto inexistente.
  • Conteúdo manipulado: quando informações e imagens verdadeiras são manipuladas para enganar o consumidor.

Para manipular o conteúdo, um jornalista precisa ter conhecimento das teorias, dissimulando informações verdadeiras sem deixar de maneira clara que está existindo essa manipulação.

Já para alterar apenas o contexto ou inserir dados enganosos, a prática de um jornalismo pobre já é suficiente, pois o consumidor alvo desse tipo de publicação já detém menos conhecimento e dificilmente irá verificar outras fontes para ver se a notícia recebida é verdadeira ou falsa.

Atualmente, estar o mais próximo possível da verdade e conferindo fontes múltiplas é a melhor maneira de se informar ao receber algum tipo de informação nas redes sociais.

Tudo pode ser fake news e na bolha virtual os algoritmos criados nas redes facilitam que a informação mentirosa chegue com mais facilidade ao receptor da informação.

check news fake chrome
O Trusted News pode te ajudar no Google Chrome / © AndroidPIT (captura de tela)

Checagem de fatos

A verificação de fatos existe em Londres desde 2009. A agência “Full Fact” foi criada visando combater a influência de lobistas e analisar entrevistas dadas por políticos locais.

No Brasil, elas atuam de maneira mais efetiva desde 2018, com as agências de verificação de fatos “Aos fatos” e “Lupa”. Esse é um serviço muito importante, levando em conta a forma como utilizamos as redes sociais e compartilhamos conteúdo de maneira livre.

A extensão do Chrome Trusted News tenta traçar informações e dados para te ajudar a consumir informações verdadeiras ao navegar na internet.

Cuidado com WhatsApp

Em abril de 2018, uma pesquisa inédita do Monitor de Debate Político no Meio Digital, órgão da Universidade de São Paulo (USP), revelou que os grupos de família costumam ser o principal vetor para a multiplicação de notícias falsas dentro do WhatsApp.

Grande parte dos brasileiros utiliza aplicativos de mensagens como modo de se informar e a propagação de fake news acontece sem nenhum controle.

É sempre bom tomar cuidado com informações recompartilhadas. Muitas vezes elas já são manipuladas em sites sem credibilidade com o intuito de formar opinião se utilizando das técnicas já citadas acima.

ÚLTIMOS ARTIGOS no NextPit

Recomendado pelo NextPit

Sem comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.