NextPit

Motorola abre o jogo sobre o futuro do carregamento remoto para os seus smartphones

turbopowerchargermotoxstyle
© NextPit

Na metade de outubro, a Motorola foi cotada pela imprensa especializada como uma das primeiras empresas a investir no carregamento remoto para smartphones. Contudo, em entrevista ao AndroidPIT, o gerente de produtos da Motorola Mobility Brasil afirma que a tecnologia ainda é prematura e que a fabricante vai continuar investindo na tecnologia TurboPower. Confira os detalhes abaixo.

NextPit Logo white on transparent Background
NEXTPITTV

Tudo começou depois que os representantes da empresa Energous foram vistos no evento da Motorola Solutions na feira de tecnologia de Penang, na Malásia. Assim, os rumores sobre o investimento da Motorola em carregamento remoto cresceram a partir de então. Fontes internas afirmaram que apenas parceiros da Motorola são convidados para esses eventos, o que levou-se a acreditar que a tecnologia de carregamento remoto da Energous esteja sendo testada pela Motorola Solutions.

Para quem está ouvindo falar sobre a Energous pela primeira vez, precisa saber que a companhia é responsável pelo aparelho chamado WattUp, que possibilita o carregamento remoto de um eletrônico em determinado raio de alcance. Ele gera energia RF e carrega um aparelho por ondas como de rádio ou Wi-Fi. Usando tal recurso, será permitido carregar um smartphone sem nem mesmo perceber, visto que a experiência seria mais ou menos igual a que temos hoje usando a conexão wi-fi.

moto 360 ii
A série Moto 360 oferece o carregamento sem fio desde o lançamento. / © ADROIDPIT

Depois que estes rumores foram levantados pela imprensa internacional, tive a chance de entrevistar nessa semana gerente de produto da Motorola no Brasil. De acordo com Renato Arradi, a empresa vê a tecnologia ainda nas primeiras fases de desenvolvimento e não necessariamente como uma alternativa a ser adotada em seus smartphones nos próximos anos:  "Apesar de entendermos que o carregamento remoto tenha benefícios de comodidade, a potência liberada hoje com essa tecnologia ainda é baixa, fazendo com que o tempo de carga seja mais demorado. Assim, consideramos mais vantajoso o uso da tecnologia TurboPower, juntamente com a opção de carregamento sem fio para alguns modelos".

A potência liberada hoje com essa tecnologia ainda é baixa, fazendo com que o tempo de carga seja mais demorado

Na opinião da equipe da Motorola, a melhor experiência para o usuário está diretamente ligada à velocidade com a qual o aparelho é carregado. Esta visão foi comprovada já em 2014, com o lançamento dos smartphones Moto X 2ª Geração e Moto Maxx, com suporte para a tecnologia TurboPower. Neste ano, o mesmo recurso de carregamento rápido Tubo veio integrado aos novos Moto X Style e Moto X Force.

motoxforceonwork
O Moto X Force possui a tecnologia de carregamento rápido TurboPower e sem fio. / © ANDROIDPIT

Contudo, o uso da tecnologia de carregamento remoto não está fora dos planos da fabricante. Recentemente, a Motorola anunciou o Moto X Force, o primeiro smartphone a trazer uma tela inquebrável, característica comprovada em nossos testes. Durante o evento de lançamento, os executivos da empresa informaram que forma necessários três anos de pesquisa para que lançar um smartphone como o Force.

Assim, apesar de não podermos afirmar se a Motorola está ou não em discussões com a Energous, uma coisa é certa, a empresa não descarta a possibilidade de usar a tecnologia de carregamento remoto quando a mesma estiver em desenvolvimento avançado.  Segundo Arradi, a fabricante está sempre aberta a inovações: "é importante ressaltar que estamos sempre pesquisando e acompanhando as evoluções tecnológicas com o objetivo de resolver problemas reais das pessoas e melhorar a experiência de uso, incorporando novas tecnologias quando as mesmas fizerem sentido".

Logo, mesmo que a Motorola não seja a primeira fabricante a integrar o carregamento remoto aos seus próximos smartphones, os engenheiros da empresa já parecem estar bem atualizados sobre os resultados das pesquisas nessa área. A entrevista completa com Renato Arradi será publicada no próximo domingo, no AndroidPIT. Fique ligado!

E aí, você gostaria de ver a Motorola investindo em tecnologias de carregamento cada vez mais rápidas para os seus smartphones, ou remoto?

Gostou do artigo? Então compartilhe!
Comentar agora

Artigos recomendados

Os comentários favoritos dos leitores

  • Felipe Dourado 12/11/2015

    O que acho curioso é que, muita gente sempre diz "moto enrola" moto isso, Moto aquilo. Cara, a Motorola é a empresa pioneira em celulares, rádios . O primeiro celular que teu pai/avo/tio usou foi Motorola. A que inovou a forma como os "smartphones" (Moto x, etc...) interagem com os seus donos, "ditando" moda com os displays "inquebraveis", adentrando na tecnologia de carregamento sem fio nenhum via RF. Agora vai diz, "a câmera da Motorola sempre é uma das piores". "Samsung é pioneira" Samsung não faz porra nenhuma a não ser "GO with the flow" e produzir chips pra concorrência. Segue mercado e lança xing ling com câmera boa que fica obsoleto em poucos meses. (sim eu tenho inveja das câmeras da Samsung, mais ainda do IPhone, que têm magia negra na p**** do processamento de imagem deles). Enfim, parem com a merda do fanboyzismo pq as empresas querem isso. Ovelhas. Aprendam qual celular se encaixa melhor no seu uso diário e valeu, falou. Estou citando positivamente a Motorola no caso pq ela está em questão nessa matéria e vejo muito comentário idiota totalmente parcial e sem conhecimento de causa.

33 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Juliano C. 12/11/2015 Link para o comentário

    Espero que não de problemas de saúde a longo prazo..


  • Pedro Remigio 12/11/2015 Link para o comentário

    Acho bom que invistam nessa parte de carregamento sem fio, e aprimoramento na velocidade de carregamento, li uma reportagem um tempo desses que nas casas inteligentes que estão sendo criadas já estão vindo com uma espécie de wifi que enquanto você usa no telefone, carrega o mesmo, pra não precisar ficar colado ao carregador por exemplo. Esse tipo de ideia acho foda, porque é um saco você querer tá usando o celular e ele com bateria baixa, forçando você tá na parede com um carregador se não tiver com seu carregador remoto (powerbank) carregado por perto.


    • Renato 12/11/2015 Link para o comentário

      Moto G 2015 tem 36 horas de bateria na pratica. Carrego o meu no trabalho a tarde. Chego em casa com 95% de bateria. Além de agora ter modelos que dizem que a bateria vai durar 48 horas.
      Vai ver você precisa trocar de modelo de aparelho. rsrs


  • Felipe Dourado 12/11/2015 Link para o comentário

    O que acho curioso é que, muita gente sempre diz "moto enrola" moto isso, Moto aquilo. Cara, a Motorola é a empresa pioneira em celulares, rádios . O primeiro celular que teu pai/avo/tio usou foi Motorola. A que inovou a forma como os "smartphones" (Moto x, etc...) interagem com os seus donos, "ditando" moda com os displays "inquebraveis", adentrando na tecnologia de carregamento sem fio nenhum via RF. Agora vai diz, "a câmera da Motorola sempre é uma das piores". "Samsung é pioneira" Samsung não faz porra nenhuma a não ser "GO with the flow" e produzir chips pra concorrência. Segue mercado e lança xing ling com câmera boa que fica obsoleto em poucos meses. (sim eu tenho inveja das câmeras da Samsung, mais ainda do IPhone, que têm magia negra na p**** do processamento de imagem deles). Enfim, parem com a merda do fanboyzismo pq as empresas querem isso. Ovelhas. Aprendam qual celular se encaixa melhor no seu uso diário e valeu, falou. Estou citando positivamente a Motorola no caso pq ela está em questão nessa matéria e vejo muito comentário idiota totalmente parcial e sem conhecimento de causa.


  • Gustavo L. 12/11/2015 Link para o comentário

    Pelo o que eu entendi se ele usa ondas de rádio, ele irá mandar "energia" para todos os lados, e uma pequena parte será recebida pelo aparelho, não seria um grande desperdício de energia?
    Sei que a tecnologia está em desenvolvimento como diz a matéria, mas fiquei curioso.


    • Renato 12/11/2015 Link para o comentário

      Pensei nisso também. Será que ele identifica que um aparelho "cadastrado" entrou no alcance das ondas e começa a mandar a "energia"?

      (lembrei do Goku também com sua GenkiDama kkkkkk)


  • Guilherme 12/11/2015 Link para o comentário

    .


  • Fabrício Rafael 12/11/2015 Link para o comentário

    Eu sei que estou no lugar errado, mas me tirem uma dúvida: vale apena investir no Moto X Play ou No Z3 Compact, sendo que ambos oferecem carregamento turbo?


    • Fellipe Paz 12/11/2015 Link para o comentário

      Z3 compact é bem melhor


    • Renato 12/11/2015 Link para o comentário

      X Play, o Android é mais limpo e fluído.


      •   27
        Conta desativada 12/11/2015 Link para o comentário

        O dia que você notar realmente diferença na velocidade me avisa, meu z3 não perde em nada ✌


  • Eduardo Cordeiro do Nascimento 12/11/2015 Link para o comentário

    Saudades de quando a bateria do celular durava 7 dias... bons dias não voltam mais!


  • andevanio Carvalho 12/11/2015 Link para o comentário

    Mesmo com toda a porcaria que está deixa q a Samsung cuida disso......


    • Tablet 12/11/2015 Link para o comentário

      Concordo, mesmo com todos os defeitos que a sansung tem ela sempre foi a empresa que mais investiu em novidades para smartphones e sempre teve agilidade para colocar essas novidades em seus aparelhos.


  • Victor Macedo 12/11/2015 Link para o comentário

    Acho que não seria muito relevante se carrega rápido ou não se a tecnologia fosse capaz de carregar seu celular continuamente. Seria como ter uma 'bateria infinita' sempre em 100% apenas pelo fato de ter o celular conectado a um wifi, por exemplo. Imagine o qual legal seria deixar o celular conectado e, ao invés de descarregar o aparelho, a rede estaria o carregando.

Mostrar todos os comentários
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.