NextPit

Redmi Go será opção básica e deve custar menos de R$ 300

redmidoexptleak
© Weibo

A Xiaomi separou a linha Redmi de seu portfólio e a lançou como uma marca independente, que terá mais autonomia para criar produtos e entrar em novos territórios. O Redmi Go chega com a proposta de ser a opção mais básica. Bem básica, mesmo.

NextPit Logo white on transparent Background
NEXTPITTV

O Redmi Go é básico pois será lançado com o polêmico Android Go, a versão do Android que não precisa de muitos requisitos para funcionar. Já haviam rumores na internet sobre o dispositivo, mas duas novas imagens exibindo suas cores e a ficha técnica chegam para confirmar tudo.

redmidoexptleak
Redmi Go / © Weibo

Se trata de um aparelho com o saudoso processador Snapdragon 425, apenas 1 GB de memória RAM e 8 GB de espaço interno. O início das vendas não foram confirmadas, mas o preço deve ficar em torno de 4.998 Rupias indianas, ou seja, menos de R$ 300 na cotação direta sem impostos. Não chega a ser nem mais barato que outros Android Go vendidos no Brasil e nem mais vantajoso em termos de hardware. Tudo igual.

A meta da Xiaomi é vender esses aparelhos em países emergentes, como na Índia, e também no sul da China. Apesar de ser um modelo da agora marca Redmi, o Redmi Go vem com o logo da Xiaomi impresso em sua traseira, mostrando que esse não é exatamente um projeto novo dentro da empresa. O lançamento deve ser ainda este mês.

Você apostaria num básico deste?

375281
 © Weibo
Gostou do artigo? Então compartilhe!
Comentar agora

Artigos recomendados

8 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • CAV 31/01/2019 Link para o comentário

    Dizem que esse Redmi Go lembra bastante o já antigo Redmi 4A (visualmente, isso é praticamente um fato), e supostamente o novo aparelho reaproveitou o projeto.
    Se a relação entre os dois realmente existe, basicamente se trata de uma edição capada de um aparelho lançado 2 anos atrás.

    De resto, até mesmo entre a comunidade de fãs da Xiaomi, esse aparelho aí não deve nem ter chegado perto de empolgar.


  • Saulo Henrique 30/01/2019 Link para o comentário

    Não vale a pena nem sendo importado. Saiu custando 350 em conversão direta.
    350 + frete + 200 de taxa = 600. Por 600 reais no Brasil o aparelho já é caro. Já temos opções melhores e mais em conta aqui mesmo no Brasil, com garantia nacional e pouco tempo de espera.


  • Maykol J. Casamasmo 27/01/2019 Link para o comentário

    Essa é a mesma configuração do meu Moto E2, de algumas versões do Galaxy J e outras...mas para quem só quer usar o básico como Whatts e cia é interessante...o problema seria o preço praticado aqui....


  • Alexey Scherbakov 27/01/2019 Link para o comentário

    300 pilas na Índia, 700 reais no brasil com impostos


  • Ivan Baptista 25/01/2019 Link para o comentário

    Lixo!


  • José Luís Silva Martiniano 25/01/2019 Link para o comentário

    Não faz jus às minhas necessidades, porém, há público para esse dispositivo.


  • Tenente Zureta 25/01/2019 Link para o comentário

    Um bom aparelho p colocar nos saquinhos de São Cosme e Damião


  • Jairo rios 25/01/2019 Link para o comentário

    Bom brinde a ser colocado em kinder ovo -)

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.