Vencedores e perdedores da semana: openbar da Xiaomi, Qualcomm perde para a MediaTek

Vencedores e perdedores da semana: openbar da Xiaomi, Qualcomm perde para a MediaTek

Depois de um hiato de uma semana, é com grande prazer que volto a escrever a coluna semanal "Vencedores e Perdedores" do NextPit. Para quem lê este artigo pela primeira vez, o objetivo aqui é dar uma visão geral dos principais acontecimentos no mundo da tecnologia nos últimos sete dias. E aproveitando o gancho, também escolhemos dois personagens para serem os "Vencedores" ou "Perdedores" da semana.

Nossa escolha para o Vencedor desta semana foi bastante fácil. A Xiaomi — por lançar, uma baciada de smartphones (sem contar outros gadgets). A escolha foi unânime e quase todos na equipe NextPit votaram a favor da marca eletrônica chinesa.

Já o perdedor da semana também foi uma escolha unânime — a Qualcomm — que perdeu a coroa da maior fornecedora de processadores para smartphones em 2020 para a MediaTek. Como sempre, antes de falarmos sobre as duas empresas, vamos rapidamente dar uma olhada em algumas das notícias de tecnologia da semana que passou.

A semana em resumo

Entre os acontecimentos mais comentados nesta semana estão as notícias sobre o cancelamento de um smartphone conhecido como o OnePlus Nord SE. Vale destacar que a OnePlus nunca admitiu publicamente trabalhar neste dispositivo. O smartphone foi "revelado" pelo informante Max Jambor, que divulgou que o OnePlus Nord SE era um OnePlus Nord com carregamento de 65W e uma bateria ligeiramente maior. De qualquer forma, a notícia é que o OnePlus Nord SE não vai rolar.

Falando ainda na OnePlus, nosso segundo grande destaque da semana foi o fato do OnePlus Nord N100 ter recebido uma atualização de software muito necessária esta semana. A nova versão de software recebeu a numeração Oxygen OS 10.5.8 na UE e 10.5.6 na América do Norte. Além do patch de segurança do Android para fevereiro de 2021, esta atualização também traz várias melhorias em termos de consumo de energia e estabilidade geral do sistema.

oneplus nord 2020
O OnePlus Nord N100 / © OnePlus

O Samsung Galaxy Buds Pro pode ser novo em folha. Mas esta semana surgiram pistas de que a Samsung já estava trabalhando em seu sucessor. Segundo um APK do app Galaxy Wearable desmontado pelo site Android Police, sabemos que a Samsung prepara um Galaxy Buds 2.

Esta semana também teve boas notícias para quem acompanha a parte técnica dos processadores de celular. A ARM Ltd — empresa britânica especializada em projetar chips — anunciou a chegada de uma nova arquitetura de CPU, chamada de Armv9 que promete um melhor desempenho de processamento (e segurança) nos futuros chips de smartphones.

Durante mais de uma década, quase todos os chips baseados na família ARM foram baseados na arquitetura Armv8. Estamos, portanto, à beira de um grande salto de desempenho de CPU e GPU, tanto nas plataformas Android e iOS, como também no macOS.

Vencedora da semana: a Xiaomi por seu(s) evento(s) de lançamento

xiaomi mi mix fold event nextpit 10
A linha Mi Mix voltou em grande estilo / © Xiaomi

Nem sempre escolhemos um vencedor pelo simples fato de terem lançado um novo smartphone. Entretanto, tivemos que abrir uma exceção nesta semana para a Xiaomi. A empresa anunciou um verdadeiro openbar de lançamentos em um mega evento que durou dois dias! O que é mais surpreendente é o fato de que todos os produtos parecem ser bons. A lista de produtos anunciada por Xiaomi esta semana inclui:

  • Mi 11 Ultra — o smartphone topo de linha absoluto da Xiaomi;
  • Mi Mix Fold — o primeiro smartphone dobrável da Xiaomi;
  • Mi 11 Pro — uma versão "profissional" do atual Mi 11, que já testamos;
  • Mi 11 Lite — um Mi 11, com pequenos sacrifícios, caso do processador mais modesto;
  • Mi 11 Lite 5G — uma versão do Mi 11 Lite com suporte a 5G;
  • Mi 11i — outra versão Lite, mas desta vez com um processador topo de linha;
  • Mi Band 6 — uma Mi Band 5 melhorada.

Além deles, a empresa também anunciou um monte de novos laptops e até mesmo eletrodomésticos. Ambos os produtos, no entanto, só estarão disponíveis na China por enquanto. A Xiaomi também aproveitou as quase CINCO HORAS de evento para anunciar seus planos no mercado de veículos elétricos. Incluímos a gravação completa do primeiro evento abaixo para os verdadeiros fãs da marca — o resumo você confere neste link.

Já o segundo evento, na terça-feira (30), teve "apenas" 2h30, aproximadamente.

Perdedora da semana: a Qualcomm, ultrapassada pela MediaTek em 2020

Nossa escolha para o perdedor da semana é a Qualcomm. A empresa norte-americana de semicondutores foi durante muito tempo o nome dominante entre os chips para smartphones. Embora ainda consiga manter essa liderança quando se trata de processadores premium, o mesmo não pode ser dito sobre o segmento de SoCs intermediários e básicos.

Snapdragon 888
A Qualcomm pode ter os chips mais rápidos, mas a MediaTek vendeu mais / © Qualcomm

De acordo com relatórios divulgados por consultorias de mercado, a MediaTek registrou remessas de 351,8 milhões de chipsets para smartphone em 2020, o que representa um aumento bruto de 113,8 milhões em relação a 2019.

Este aumento significa que agora ela detém uma participação no mercado global de 27,2%, em comparação com "apenas" 17,2% em 2019. Impressionante ou não? Resta saber se a MediaTek consegue continuar com sua trajetória de crescimento também em 2021. Você acha que a Qualcomm consegue se recuperar neste ano?

Bem, isso nos traz ao final desta semana do "Vencedores e Perdedores". Você concorda com nossas escolhas? Tudo bem se não concordar, mas nesse caso, diga o porquê nos comentários abaixo!

ÚLTIMOS ARTIGOS

2 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Briga boa qualcomm x mediatek x Exynos, bom para os consumidores , não esquecendo que o rei Bionic by Apple ainda é o bicho.


  • Eu havia comentado a tempos atrás sobre o quanto a Mediatek havia evoluído com sua linha Dimensity. A prova disso está aí... Finalmente a Qualcomm (com seus preços inflados) encoutrou uma pedra no sapato de um concorrente de peso que pode ameacá-la. Vamos aguardar quais serão os próximos embates entre as duas. E outra boa notícia (finalmente) será a atualização do SoC da Arm para a versão v9, o que vai contribuir muito para fabricantes de Tablets ou Smartphones de marcas menos expressivas possam oferecer aparelhos com melhor desempenho.