NextPit

2018 foi um dos piores anos para os smartphones

best phones 2018 3
© NextPit

2018 pode ter sido um ano interessante no mundo dos smartphones por várias razões: a ascensão global das fabricantes chinesas, a nova onda de aparelhos exclusivos para jogos, a IA móvel e assim por diante. Mas certamente não foi um ano feliz para a indústria em termos de vendas.

NextPit Logo white on transparent Background
NEXTPITTV

Havia indicações anteriores das próprias fabricantes de que as vendas de smartphones haviam estagnado no geral, e novos números da International Data Corporation confirmam isso.

No quarto trimestre de 2018, os envios caíram 4,9% em relação ao ano anterior, tornando-se esse o quinto trimestre consecutivo em que os números caíram. Ryan Reith, vice-presidente do programa IDC para Worldwide Mobile Device Trackers (Rastreadores Mundiais de Dispositivos Móveis em português), cita vários fatores para explicar essa espiral descendente.

As pessoas estão mantendo seus smartphones por mais tempo, grandes mercados estão ficando lotados de concorrência, os preços estão subindo e, é claro perturbações políticas, como a guerra comercial Estados Unidos-China.

samsung galaxy a7 03
Nem a Samsung escapou da queda / © NextPit

Enquanto certos mercados como Índia, Indonésia, Coréia do Sul e o Vietnã estão em alta, esses são apenas pontos de luz espalhados no que tem sido, em geral, um dos anos mais sombrios para a indústria de smartphones.

Atualmente, as 5 principais marcas globais são Samsung, Apple, Huawei, Oppo e Xiaomi. Samsung e Apple viram uma grande queda não apenas no 4º trimestre, mas em todo o ano de 2018. As marcas chinesas dessa lista, porém, tiveram um crescimento global, mesmo que não na própria China.

Dito isto, os números mostram que os compradores chineses (30% do consumo mundial de smartphones) estão comprando cada vez mais de fabricantes nacionais, ao invés de empresas estrangeiras.

AndroidPIT China
A China continua sendo um mercado extremamente importante para os aparelhos / © NextPit

Os leitores de longa data não ficarão surpresos com o fato de que uma combinação de preços crescentes, um mercado lotado e uma falta geral de inovação está levando as pessoas a comprar menos smartphones, especialmente em mercados onde eles estão atingindo o status de commodity.

Em 2019, a indústria está se apoiando em novas tendências, incluindo displays dobráveis, novas maneiras de maximizar o espaço na tela e o 5G, a fim de estimular os consumidores. Mas será que isso vai funcionar?

Você acha que essa tendência de queda vai mudar? Quais são suas previsões para o mercado de smartphones em 2019?

Gostou do artigo? Então compartilhe!
Comentar agora

Artigos recomendados

32 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Davino Zolet 06/02/2019 Link para o comentário

    Eu culpo o tamanho dos smartphones.


  •   16
    Conta desativada 04/02/2019 Link para o comentário

    custo beneficio bom e aparelhos cada vez bons


  • Anderson 03/02/2019 Link para o comentário

    As chinesas estão crescendo por oferecer aparelhos com melhor custo-benefício. Aparelhos com bom hardware, bateria e interface gráfica com vários recursos são pontos que as chinesas não têm medo de adotar, mas não para por aí, elas também praticam preços generosos.

    Daí, se tu queres encontrar um aparelho com bom hardware e software, nas fabricantes tradicionais, tu vais ver o preço lá por cima, coisa de mais de U$ 600.

    E vale lembrar que as chinesas oferecem a relação custo (preço) - benefício (hardware/software) para vários segmentos de público, como os básicos, intermediários, top de linha, flagship capado do ponto de vista de construção (para quem gosta de desempenho, mas não quer pagar caro e não liga para a beleza do aparelho).

    Enfim, espero que as fabricantes tradicionais aprendam com as chinesas a como ofertar produtos que o povo demanda (parece que a Samsung está aprendendo isso com a linha M, mas, ao que parece, ela só o fará para o lado da Ásia).


  • Andarilho 03/02/2019 Link para o comentário

    2018 foi um dos piores anos para os smartphones e para o AndroidPit também.


  • Luis Quality 02/02/2019 Link para o comentário

    A grande realidade é que antigamente não se tinha tantos fabricantes ,hoje muita variedade de fabricantes ,e os chineses com centenas de opções...,para nós no Brasil fica cada dia mais difícil comprar esses super brinquedinhos super faturados ,vamos ter de se contentar em ficar mais tempo com nossos aparelhos


  • Giordano Santiago 02/02/2019 Link para o comentário

    O problema é preco. A maioria dos aparelhos, pelo menos no brasil, é mais caro que o salário de um brasileiro.

Mostrar todos os comentários
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.