NextPit

Android 10 Go lançado: conheça a versão compatível com celular de 1,5 GB de RAM

androidgo go 01
© AndrioidPIT por Stella Dauer

Depois do anúncio do Android 10, a Google lança a versão compacta do sistema, chamada de Android Go. A nova versão trás alguns recursos interessantes para aparelhos com hardware menos potente, como criptografia de dados e o modo noturno nativo.

NextPit Logo white on transparent Background
NEXTPITTV

O Android 10 Go ocupa duas vezes menos espaço do que a versão completa do sistema, sendo a opção mais indicada para aparelhos com até 1,5 GB de memória RAM e 8 GB de espaço interno. As versões compactas do sistema da Google trazem ainda recursos com foco em economia de bateria e de dados móveis. 

Celulares rodando com Android 10 Go ganharão a criptografia de dados através da tecnologia Adiantum, que consegue encriptar informações sem consumir recursos do hardware. Essa era uma função restrita a processadores intermediários e topos de linha, mas que agora chegará aos modelos de entrada com Android 10 Go.

De acordo com o Google, o Android 10 Go trará ainda um modo noturno e uma versão do Google Go - versão 50% menor e mais leve do app de buscas padrão - capaz de ler textos da internet em voz alta, fazer previsões do tempo e traduções, mesmo usando redes 2G.

alcatel 1 09
Google Go / © NextPit por Stella Dauer

A empresa diz ainda que a Inteligência Artificial implementada nessa versão consegue fazer a leitura em áudio de textos de forma mais natural, além de conseguir determinar fragmentos de páginas que devem ler lidos em voz alta. O objetivo da empresa com esse recurso também é atingir usuários que precisam de recursos de acessibilidade.

Os primeiros aparelhos com Android 10 Go devem chegar ao país ainda este ano, com opções da Semp, Motorola, Alcatel e Samsung.

E você, já experimentou um celular com Android Go?

Fonte: Google

Gostou do artigo? Então compartilhe!
Comentar agora

Artigos recomendados

9 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Ranilson Aquino 28/09/2019 Link para o comentário

    Será que vai poder ser utilizado em modelos anteriores?


  • Jairo rios 27/09/2019 Link para o comentário

    Qualquer custom ROM é mais leve do que o Android Go , não vale a pena


  • CAV 26/09/2019 Link para o comentário

    Até estava duvidando que a Google fosse prosseguir com esse programa, já que a adesão das fabricantes e desenvolvedores é supostamente baixa, os aparelhos que rodam alguma versão dessa edição do Android geralmente não são planejados para serem atualizados (a HMD é basicamente uma exceção), e tirando os apps Go da Google e alguns apps Lite existentes, não agrega muito aos aparelhos, que muitas vezes terão que rodar apps planejados para a edição padrão do Android só que com desempenho inferior (isso quando roda ou é suportado) por conta das especificações de hardware (especialmente RAM).

    O antigo Android One era muito mais vantajoso que o atual Android Go, que vejo como um programa que, se acabasse hoje, dificilmente deixaria saudades para muita gente.


  • davidnobr 25/09/2019 Link para o comentário

    Tem gente que vai pegar um aparelho desses e querer jogar. Cara esses aparelhos de entrada são pra fazer o básico. Telefonar, tirar uma foto básica (só pra não perder o registro em foto ou vídeo de algo que está ocorrendo e não pode deixar de ser registrado), mandar/receber mensagem (SMS, Whats, Telegram) ver algo no YouTube, ouvir música (Spotyfy, e outros), navegar no GPS (Maps GO, Wase), e outros serviços Uber, e por aí vai, e ainda outras funcionalidades nativas do aparelho, calculadora, lanterna, alarme.


  • José Luís Silva Martiniano 25/09/2019 Link para o comentário

    Acredito, que smartphones de entrada deveria vir com 2 GB de memória Ram e pelo menos 16 GB de armazenamento interno com o sistema Go, ficaria bem mais interessante.


  • Gu Souza 25/09/2019 Link para o comentário

    Seria interessante se fosse uma forma de atualização disponível para celulares antigos. Para os atuais, acho que ao menos os de entrada deveriam ter a obrigação de ter requisitos de hardware que sejam capazes de rodar o sistema de forma satisfatória.

    CAV


    • CAV 26/09/2019 Link para o comentário

      A única solução para essa questão seria a Google ampliar as Generic System Images para aparelhos cuja especificações estejam dentro dos parâmetros do programa Android Go:
      https://www.androidpit.com.br/android-q-em-qualquer-smartphone

      Só que na prática instalar as GSIs não é muito diferente de instalar Custom ROMs, o que já prejudica bastante o alcance dessa empreitada.


  • Léo Walk 24/09/2019 Link para o comentário

    Em teoria a ideia é boa, mas na pratica não é nada agradável.


  • Vinicius Da Silveira 24/09/2019 Link para o comentário

    A Google Deveria aprender com a galera da LineageOS a fazer android leve e otimizado. Esse android Go é ridículo, super capado, e ainda sim mais pesado que uma Custom LOS, porem a LOS tem mais funções que o android Puro, e até mais funções que alguns androids modificados por fabricantes e ainda sim mais leve. Então google, entra em contato com a galera da LOS (finada CyanogenMod) e conversa com eles, pra ver se vocês aprendem a fazer android mais otimizado, com mais recursos, menos gastões e bem mais leves que o que vocês fazem.

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.