NextPit

Review completo do Xiaomi Mi A3: bom o bastante

AndroidPIT Xiaomi Mi A3 Hero
© NextPit

O Mi A3 chegou ao mercado custando pouco, trazendo pontos positivos e negativos em seu visual e em sua ficha técnica. Analisamos o aparelho para entender melhor qual é a proposta da Xiaomi para o terceiro integrante da sua série Android One.

NextPit Logo white on transparent Background
NEXTPITTV

Avaliação

Prós

  • Câmera
  • Duração da bateria
  • Software Android One
  • Fone de ouvido

Contras

  • Resolução da tela
  • Leitor de impressões digitais
  • Sem NFC

Xiaomi Mi A3 – Desenho & Qualidade de Construção

O acabamento de produtos mais básicos está melhorando com o passar do tempo. É claro que ainda não atingimos a perfeição, mas o Mi A3 é um exemplo de produto que tem um visual bem elegante, ainda que algumas certificações tenham ficado de fora para manter seu custo atraente.

AndroidPIT Xiaomi Mi A3 Back
Revestimento em vidro / © NextPit

As curvas do Mi A3 e seu tamanho, de 153,48 x 71,85 x 8,47 mm e 174 gramas, tornam o modelo bastante compacto. Você pode manuseá-lo com uma mão sem problemas. No acabamento encontramos botões de energia e volume, slot para dois SIMs, microSD, alto-falante mono e porta USB-C na parte inferior.

AndroidPIT Xiaomi Mi A3 Port
Porta USB-C / © NextPit

O revestimento em Gorilla Glass 5 é outro ponto alto, adicionando mais segurança ao acabamento em vidro. O conjunto de lentes estão em um módulo proeminente e o logotipo da Xiaomi fica na parte interior da traseira. 

Xiaomi Mi A3 – Tela

O ponto mais questionável do Mi A3 é sua tela, de 6,08 polegadas e resolução HD+ (1560 x 720 pixels), resultando em apenas 283 ppi. Essa resolução pesa quando comparamos o modelo com outros concorrentes do mercado.

O painel AMOLED oferece contraste e cores bons, embora o brilho não seja dos melhores. O brilho máximo não é ruim, mas o mínimo deveria ser menor intenso. As cores também são ligeiramente saturadas, talvez para disfarçar a resolução baixa.

AndroidPIT Xiaomi Mi A3 Notch
Tela HD+ / © NextPit

O sensor embutido sob a tela também deixou um pouco a desejar e apresentou vários problemas durante o cadastramento da minha digital. O reconhecimento também é um pouco lento. A senha por PIN e o reconhecimento facial 2D, feito pela câmera frontal, se mostraram mais eficientes que a biometria.

Xiaomi Mi A3 – Software

Ter um aparelho com certificado Android One significa que você terá a oportunidade de usar um sistema menos modificado pelo fabricante. É exatamente isso que o Mi A3 oferece. A experiência de uso é positiva, com sistema rápido e bem otimizado.

É claro que isso pode ser um ponto contra para quem já se acostumou com alguma interface customizada, como a própria MIUI.

AndroidPIT Xiaomi Mi A3 Handheld
Software puro / © NextPit

Xiaomi Mi A3 – Performance

O Mi A3 traz processador Snapdragon 665 de oito núcleos (4 núcleos Cortex A73 a 2,0 GHz e 4 núcleos Cortex A53 a 1,8 GHz), com GPU Adreno 610, 4 GB de memória RAM e 64GB de espaço interno. Essa configuração é suficiente para rodar o sistema sem travamentos e jogos mais pesados sem engasgos.

Jogos mais pesados tendem a aquecer mais o aparelho e demorar mais para carregar no início. Um modo de jogo seria interessante para otimizar títulos mais robustos, mas não há essa opção neste sistema. Em tarefas cotidianas o Mi A3 não se sai mal.

AndroidPIT Xiaomi Mi A3 Case
Mi A3 tem performance média / © NextPit

Em termos de conectividade, a Xiaomi entrega um pacote generoso, com LTE, Wi-Fi Ac e Bluetooth 5.0. Destaco, contudo, a ausência do NFC que está se tornando cada vez mais popular com os sistemas de pagamentos móveis.

Xiaomi Mi A3 – Câmera

O .Mi A3 tem três câmeras na traseira, são elas:

  • Sensor principal de 48 MP e abertura f/1.8;
  • 8 MP, grande angular e abertura f/2.2;
  • 2 MP com profundidade de campo e abertura f/2.4.

O software vem configurado para tirar fotos em 12MP, sendo necessário ajustar o padrão para 48 MP logo no primeiro uso. O app de câmera é desenvolvido pela Xiaomi e oferece modo noturno, câmera lenta, modo panorama e modo profissional. Recursos como modo embelezar e HDR inteligente também estão presentes.

AndroidPIT Xiaomi Mi A3 Camera
Mi A3 tem três câmeras / © NextPit

O Mi A3 faz um bom trabalho quando o assunto são fotos noturnas, com imagens bem processadas e com bastante nitidez. Não temos aqui um resultado de topo de linha, mas são fotos satisfatórias. O modo noturno é altamente indicado para corrigir borrões e distorções por falta de luz, ainda que o software demore mais para tirar fotos com esse modo.

Para selFies, o Mi A3 tem câmera frontal de 32 MP que também faz um bom trabalho. Clique no link para conferir o ensaio feito com a câmera do Mi A3:

  • Ensaio de fotos Mi A3

Xiaomi Mi A3 – Bateria

A bateria do Mi A3 tem 4.030 mAh e entrega excelente autonomia sob uso moderado. É claro que o software menos modificado e a resolução de tela mais baixa contribuem para esse resultado. 

O carregador que vem na caixa leva cerca de duas horas e vinte minutos para completar a carga na bateria. O dispositivo oferece suporte ao carregamento rápido 3.0, mas o carregador de 18W não vem incluso.

Xiaomi Mi A3 – Especificações Técnicas

Dimensões: 153,48 x 71,85 x 8,47 mm
Peso: 173 g
Tamanho da bateria: 4030 mAh
Tamanho da tela: 6,08 polegadas
Tecnologia da tela: AMOLED
Tela: 1536 x 720 pixels (279 ppi)
Câmera frontal 32 megapixels
Câmera traseira 48 megapixels
Flash: LED
Versão do Android: 9 - Pie
Interface: Stock Android
RAM: 4 GB
Memória interna: 64 GB
Memória removível: microSD
Número de núcleos: 8
Conectividade LTE, Dual-SIM , Bluetooth 5.0

Veredito Final

O Mi A3 é um modelo encantador, seja pelo seu design elegante ou através dos recursos que a empresa oferece, como a biometria sob a tela e o conjunto de três lentes. É claro que estamos falando de um produto intermediário e de baixo valor, logo, o resultado entregue pelo dispositivo na prática é médio. 

O software quase puro também chama atenção e soma resultados na duração da bateria e no desempenho geral. As câmeras fazem um trabalho modesto e de qualidade. Devo dizer que o maior ponto negativo do Mi A3 é seu painel grande e de pouca resolução, injustificável para um modelo que custa em média R$ 950 (sem impostos).

Traduzido por Bruno Salutes.

O que você achou do Mi A3? Teria um?

Artigos recomendados

13 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Thiago Merola 06/01/2020 Link para o comentário

    Como atualizar para Android 10??


  • Luciano 27/12/2019 Link para o comentário

    Como opção de android puro é um dos melhores sem dúvidas principalmente pelo preço e o que o mesmo entrega ao usuário, apesar dos poucos itens citados que gostaríamos e não tem, não tem como não dizer que a Xiaomi fez mais uma vez um excelente trabalho neste Mia3!


  • Marcio S. 11/10/2019 Link para o comentário

    gosto de testar para poder dar minha opinião, antes eu julgava muito os aparelhos de uma determinada marca, porém nunca tinha usado.... quando de fato eu usei hoje não quero saber de outras.... mas acredito que essas marcas chinesas tem tudo para dar super certo.


  • Victor T 03/10/2019 Link para o comentário

    Essa resolução nos dias de hoje realmente não da...


  • Vinicius Da Silveira 01/10/2019 Link para o comentário

    .


  • Vinicius Da Silveira 01/10/2019 Link para o comentário

    Ninguém crítica a apple por ela vender celular com resolução HD/HD+ até hoje, o ultimo foi o iPhone 11.


  • Pedro 30/09/2019 Link para o comentário

    Review bem vago, aliás


  • Pedro 30/09/2019 Link para o comentário

    Eu às vezes não entendo vocês, editores, querem a maior resolução de tela possível e reclamam que a bateria vai pro ralo. Mi A3 tem baixa resolução para poupar bateria.


  • Jairo rios 30/09/2019 Link para o comentário

    Concordo parcialmente com o review , a tela para quem não usa VR é satisfatória , a sua resolução mais baixa foi utilizada justamente para diminuir o consumo de energia , autonomia de bateria ainda é o calcanhar de Aquiles para os gadgets que rodam o Android One , o "sem NFC" para mim realmente é um ponto negativo , eu utilizo , quanto ao preço ele é facilmente encontrado por 1K na Sta. Efigênia , considero um preço competetivo.


  • Phelipe B. 30/09/2019 Link para o comentário

    Prefiro continuar com meu Mi A2. Talvez no A4 eu mude de aparelho.


  • Vinicius Da Silveira 30/09/2019 Link para o comentário

    Fico pensando. Se o Mi A3 é um celular básico, o que é um iphone 8? Um celular de entrada com preço de top de linha?


  • Penskemen 30/09/2019 Link para o comentário

    Esse aparelho básico da Xiaomi (4 Gb Ram e 64 Gb de armazenamento), é um dos maiores exemplos que essa empresa Chinesa veio para balançar estruturas. Esse novo modelo em particular (Mi A3), tem tudo para se tornar uma pedra no sapato da Lenovo, e rivalizar com o Moto G7; mas no caso da Xiaomi ainda falta baixar um pouco o preço, que neste momento demonstra ser impossível devido a alta escalada do Dolar, e neste particular (o Moto G7) acaba levando vantagem. Mas um fato não pode ser desprezado, a Xiaomi veio para brigar de igual para igual com a Lenovo (Motorola) e Samsung na linha Galaxy.


    • Vinicius Da Silveira 21/10/2019 Link para o comentário

      O Mi A3 pode ser mais caro que o Moto G7, mas o G7 esta vários degraus abaixo do A3, ou seja, é notoriamente inferior ao Mi A3. O Moto G7 Plus já é bastante inferior ao Mi A3, então não da nem pra comprar Moto G7 com Mi A3.

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.