NextPit

Moto E6s: a Motorola quer entregar muito por menos?

motoe6s
© Lenovo / Motorola

Com o novo Moto E6s, a subsidiária da Lenovo, a Motorola introduziu um novo smartphone de nível básico. O preço de 99 euros é particularmente atraente. Aqui está o que você ganhará investimento um pouco mais de R$ 500 no novo Motorola.

NextPit Logo white on transparent Background
NEXTPITTV

O novo smartphone de baixo orçamento da Motorola já mostra sua afiliação de classe muito bem. Um invólucro de plástico e uma moldura de tela mais larga não são incomuns nesta faixa de preço. No entanto, os designers tentaram criar um visual atraente e moderno.

Ambas as versões coloridas (azul e vermelho) têm um bom gradiente de cores na parte de trás, que ainda hoje pode ser encontrado em muitos modelos de smartphones. No centro superior da parte traseira está o sensor de impressão digital com o "M" impresso, que é característico dos Moto. Bem ao lado dele está a câmera dupla com design que remete a câmera tripla. O flash LED também está aqui.

Para o processador, a Motorola usa o Mediatek Helio P22 de 2.9 GHz. Um modesto 2 GB de RAM é usado para vários processos que o software executa. O armazenamento interno também é bastante pequeno: 32 GB. A bateria chega a 3.000 mAh e pode ser carregada com um carregador de 5 Watts através da porta micro-USB integrada (USB 2.0). Não há USB-C.

Motorola moto e6s Rot 5
A versão vermelha do Moto e6s vem com um gradiente rosa. / © Lenovo/Motorola

O Moto e6s possui um sensor PDAF de 13 megapixels com abertura f/2.2 e um sensor de profundidade não especificado para o modo retrato. As gravações de vídeo são possíveis aqui em Full-HD a 30 frames por segundo. Na frente, o Moto e6s oferece uma câmara de 5 megapixels com abertura f/2,2. Os efeitos de desfocagem também devem ser possíveis aqui, mas estes só estão incluídos para o sujeito no lado do software.

Ainda não há informações sobre o lançamento do Moto E6s (ou e6s) no Brasil. Mas é esperado que o produto seja vendido por aqui antes do fim do segundo semestre.

O que você achou do novo smartphone? Ainda há espaço para celulares tão básicos assim?

Gostou do artigo? Então compartilhe!
Comentar agora

Artigos recomendados

10 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Leonardo M. Tavares 02/04/2020 Link para o comentário

    Este modelo é bem mais básico do que o esperado, mas para quem não quer ou não pode pagar a mais. Porém vejo como uma opção a mais para quem só quer um modelo mais básico para uso comum ligar, poucas fotos e um acesso a redes sociais.


  • Phelipe B. 23/03/2020 Link para o comentário

    Esse aparelho é a definição de "aparelho de entrada". Com essas configurações se custasse mais de R$ 599,00 seria um deboche com a cara do cidadão.


  • Ramon Vargas 18/03/2020 Link para o comentário

    Se vier custando mais que 600 reais já tá muito caro ! hahahaha


  • Ilan E. 18/03/2020 Link para o comentário

    Meu Deus Motorola, 2GB de RAM e 32GB de armazenamento são insuficientes em 2020, bem pior que o A10 que tem versões com 4GB de RAM.

    CAV


  • Paulo zOiO zuLLu 18/03/2020 Link para o comentário

    Kakakakaka
    Tá de brincadeira


  • Penskemen 18/03/2020 Link para o comentário

    Nooosa que aparelho é esse ? Com especificações abaixo dos Xiaomi Redmi básicos.. Será que a Lenovo resolveu queimar o filme da marca Motorola, e partir para o desespero atirando até para o lado da linha Semp/TCL de aparelhos populares ?

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.