Huawei usa fotos de DSLR para promover câmera de seu smartphone

Huawei usa fotos de DSLR para promover câmera de seu smartphone

Não é a primeira vez que você está lendo uma notícia como essa, inclusive, talvez você já tenha lido três vezes e com isso, a Huawei ganha o direito de pedir musica no Fantástico. Brincadeira a parte, a Huawei mais uma vez foi pega no flagra, ao utilizar uma câmera profissional para promover seu smartphone.

O concurso consistia em trazer imagens captadas por qualquer dispositivo que tenha câmera, e assim os jurados decidiriam qual a melhor imagem. Sabendo disto, a Huawei aproveitou para divulgar seu aparelho, usando imagens tiradas por uma câmera Nikon D850 que custam $3.000, aproximadamente R$15.951,45, como se tivesse tirado de um aparelho da marca.

Além de tudo isso, a foto não foi tirada sob encomenda da Huawei, ela já existia no site 500px atibuida ao fotógrafo Su Tie.

Imagem huawei
Imagem usada pela Huawei / © Foto: Su Tie via 500px

O fato é que o concurso aceita imagens de DSLR, ou seja, não teria problema algum, utilizar o equipamento profissional, mas o problema é que o vídeo dizia que as imagens foram feitas através do aparelho da marca.

Quem descobriu a falha, foi o vice-campeão Huapeng Zhao, que usou a câmera do iPhone 6 e conseguiu garantir o segundo lugar no concurso com a foto abaixo "Olho por olho".

olho por olho
Foto que ficou em segundo lugar / © Olho pro olho - Huapeng Zhao

Em um vídeo em seu perfil na rede social Weibo, a Huawei removeu de seu vídeo a linha aonde destacava o smartphone que havia captado as imagens. De acordo com a marca chinesa, o erro foi cometido por um editor do vídeo, conforme a nota de desculpas publicada:

Traduzido para português:

"Desculpas: em nosso vídeo promocional "Comunidade de Novas Imagens de Tema Huawei", que foi enviado recentemente, selecionamos mais de 30 trabalhos de vários fotógrafos. Esperamos incentivar todos a compartilhar mais trabalhos com a comunidade. Devido a negligência no trabalho do editor, no final do vídeo, foi marcado incorretamente que o trabalho foi realizado pelos telefones celulares da Huawei. Pedimos sinceras desculpas a todos aqui e agradecemos sinceramente ao entusiasta internauta @ Jamie-hua por sua correção. Atualizamos o vídeo. No futuro, seremos mais conscientes e meticulosos para impedir que esse tipo de situação aconteça e atendamos ao amor dos consumidores." Huawei

Difícil de acreditar, pois, essa história já se repetiu algumas vezes:

  • 2016 - a Huawei admitiu usar uma foto tirada em uma câmera DSLR Canon EOS 5D Mark III para promover seu telefone P9. A imagem foi desclassificada.
  • 2018 - um usuário do Reddit descobriu que uma selfie mostrada em um comercial de telefone Huawei Nova 3 parecia ter sido tirada por uma câmera DSLR.
  • 2019 - novamente, a Huawei usou uma foto DSLR para comercializar o telefone principal P30, visto pela GSMArena.

E aí, você acredita em mais um deslize da marca?

Fonte: Abacus, Reddit, Weibo

ÚLTIMOS ARTIGOS no NextPit

Recomendado pelo NextPit

7 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Acre News


  • kkkkkkkk

    ta dificil de acreditar em chineses.

    desde o governo ate as empresas.


  • Mesmo reincidente, a Huawei não foi a primeira a tentar tapear o distinto público com fotos de câmeras de verdade. Outras empresas, muito bem conceituadas, já ciscaram nesse terreiro, pois conhecem a distância técnica que separa uma câmera com sensor grande de um aparelho com várias câmeras de sensores minúsculos. O curioso (ou nem tanto) é que a segunda colocada no concurso foi uma foto feita com celular, o que prova que boas fotos dependem mais do olho e da capacidade da pessoa que fez o clique do que do equipamento utilizado. Ao final, a Huawei perdeu uma ótima oportunidade para SER honesta com o público e de divulgar seu (muito) bom produto.


  • Shame you Huawei.


  • Depois dessa, como acreditar que a Huawei de fato não utilizava a sua tecnologia para espionar e obter dados sensíveis dos seus usuários mundo afora? Sim, não há relação nenhuma com a guerra entre China e EUA, mas basta uma simples mentira para desconfiarmos de alguém para sempre, não é?


  • Lembrando que o modo Lua também usa imagens previamente fotografadas por DSLRs.
    Uma coisa me chamou a atenção. No artigo diz que quem descobriu o "erro" (tramoia) foi um tal de Huapeng Zhao, mas no pedido (falso) de desculpa da Huawei, eles dizem que quem descobriu foi @Jamie-hua (só tem perfil do Weibo). Será que são a mesma pessoa?

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.