NextPit

Moto G60 é lançado com tela de 120 hz e câmera de 108 megapixels

Moto G60 é lançado com tela de 120 hz e câmera de 108 megapixels

A Motorola anunciou nesta quarta-feira (28) seu novo celular intermediário, o Moto G60. Parte da reformulação da linha Moto G, o smartphone já tinha sido lançado na Índia, e traz diversas características inéditas para a linha, como câmera de 108 megapixels, e tela com taxa de atualização de 120 Hz.

Ainda 4G, o modelo continua o foco da marca em países emergentes, trazendo ainda o processador Snapdragon 732G, uma das principais opções da marca fora das linhas 5G.

O Moto G60 é equipado com câmera tripla de 108 megapixels

O ponto mais destacado pela fabricante no Moto G60 é a câmera tripla, com câmera principal de 108 megapixels. A resolução não chega a ser inédita para a marca, que já trouxe a resolução no Moto Edge+. Apesar disso, além de ser novidade na linha Moto G, o G60 é o primeiro celular da marca com a técnica UltraPixel, que combina as informações captadas por 9 pixels em um só.

Moto G60 pdp fullbleed camera overview m ch2f7wm3
Câmera de 108 megapixels é o destaque do Moto G60 / © Motorola

O recurso — que é conhecido como pixel binning (combinação de pixels) — resulta em uma imagem final de 12 megapixels, com a promessa de mais detalhes. Mesmo assim, é possível gravar as fotos em resolução nativa, ideal para impressão em tamanhos grandes.

Além da câmera principal, o Moto G60 conta ainda com uma interessante câmera híbrida de oito megapixels, responsável por fotos macro e ultrawide (com ângulo de visão de 118º), além de um sensor de profundidade de 2 megapixels, para o já tradicional efeito de desfoque de fundo no modo retrato.

O Moto G60 tem uma tela de 120 Hz inédita

Outro recurso inédito para a Motorola no Moto G60 é a tela com taxa de atualização de 120 Hz. Enquanto modelos recentes da marca trouxeram displays de 90 Hz, o G60 aumentou as especificações da generosa tela de 6,8 polegadas, prometendo mais suavidade ao navegar pela interface e jogos.

O componente conta ainda com resolução FullHD+ — 1080 x 2460 pixels — e proporção 20,5:9,  além disso, o painel LCD IPS é compatível com o formato HDR10, para reprodução de vídeos no formato em serviços de streaming compatíveis.

O Moto G60 tem uma super bateria de 6.000 mAh

Acompanhando a tendência do segmento intermediário, o Moto G60 é equipado com uma bateria de alta capacidade, com 6.000 mAh. A fabricante lista uma autonomia de uso de 54 horas, mais do que suficiente para dois dias longe da tomada.

A recarga do aparelho conta com o conhecido adaptador TurboPower de 20 watts, que apesar de ficar devendo frente a rivais que já passaram dos 50 W, deve ser suficiente para uma carga rápida de poucos minutos para horas de uso. 

Moto G60 pdp fullbleed processor m 71mvl19o
Moto G60 traz o processador Snapdragon 732G de oito núcleos / © Motorola

Poder de fogo do Moto G60 é suficiente entre os 4G

Enquanto não começa o open bar de modelos 5G, o Moto G60 conta com uma das melhores opções de processador para o segmento 4G. O novo Motorola traz o competente Snapdragon 732G, com oito núcleos, que costuma trazer um bom desempenho para o uso cotidiano e até mesmo alguns games.

Além disso, o modelo chega ao Brasil com configuração única de memória, com 6 GB de memória RAM e 128 GB de armazenamento, no padrão rápido UFS 2.1. Para ampliar a capacidade de dados, é possível instalar um cartão microSD, que divide a bandeja com o chip SIM secundário.

Moto G60: lançamento e preço

O Moto G60 chega às lojas brasileiras nesta quinta-feira (29), equipado com o sistema Android 11. Procurada pelo NextPit, a Motorola afirmou que o modelo terá uma atualização de versão do SO — provavelmente o Android 12 — além de dois anos de updates de segurança. Fora isso, o celular chega ao mercado em duas opções de cores, azul e champagne.

O preço sugerido de venda para o Motorola G60 é de R$ 2.699,00.

Moto G60 pdp fullbleed android IN m 7fgwrkexFabricante promete uma atualização de versão e dois anos de correções de segurança  / © Motorola

E aí, o que você achou deste novo Moto G que chega ao mercado brasileiro? Tem lugar?

Gostou do artigo? Então compartilhe!
Comentar agora

6 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Vinicius Guerra há 5 meses Link para o comentário

    A Motorola, ops, Lenovo, continua sendo talvez a única rival da Samsung no Brasil. Não entendo porque os executivos só colocam apenas uma atualização de software.

    A Samsung, sempre foi uma empresa que raramente ouve seus clientes e hoje, oferece até 3 atualizações dependendo do modelo, embora o usuário básico nem saiba em que versão de Android está, mas nunca é demais melhorar o seu produto, visto que antes a empresa era até referência.

    Além do preço caro, embora baixe com o tempo, já passou da hora de termos uma concorrência de verdade. Até acreditava que a Realme fizesse um certo barulho, mas ela não trouxe tantas novidades, por ser desconhecida nem incomoda a Samsung e Motorola.

    E ainda sabendo e conhecendo bem o mercado, ficamos à mercê dessas empresas. Um amigo meu que trabalha com manutenção de smartphones, até falou:

    “ A Samsung comete seus erros, mas como não é desafiada, Lenovo, idem, acabam também fazendo o que querem. Como o consumidor não tem muita escolha, pelo nome forte delas no mercado, vendem e continuam lucrando. “

    Sem dúvida é a pura verdade e dificilmente esse cenário vai mudar.

    E ainda sem Sony, LG, ou seja, pobre mercado esse nosso. Aqui não temos Oppo, OnePlus, nada disso.

    Imagine a felicidade desses executivos da dupla Samsung e Motorola?


  • Soterio Salles há 5 meses Link para o comentário

    "Fabricante promete uma atualização de versão e dois anos de correções de segurança / © Motorola"

    "Tudo" isso de suporte por 2,7k... Motorola by Lenovo é uma piada de tão mal gosto... Fora isso achei o aparelho ok... Mas não recomendo...


    • Rubens Eishima
      • Equipe
      há 5 meses Link para o comentário

      A favor da Lenovo, tem talvez o fato de que os preços de lançamento tão seguindo os passos da Samsung... Aparentemente são só pra fazer os descontos das operadoras parecerem imperdíveis...

      Assim como citou o Penskemen no outro comentário aqui, os valores de prateleira já chegam abaixo do valor sugerido (o G60 por exemplo já pode ser comprado por quase R$ 300 abaixo do MSRP).

      E a tendência é continuar caindo conforme passam as semanas (igual os "3.300" do Galaxy A52, que já pode ser encontrado por quase 2.200...).

      [EDITANDO] A52 por R$2040: https://www.nextpit.com.br/melhores-ofertas-celular-fones-de-ouvido-eletronicos-desconto


      • Soterio Salles há 5 meses Link para o comentário

        Considerando as quedas de preço realmente a coisa melhora um bocado mas até o citado Galaxy A52 já se torna uma compra muito mais interessante por conta do suporte maior.
        Não consigo engolir o suporte pífio da Motorola considerando que o Android deles nem é tão modificado assim e comparado com algumas marcas o portfólio de produtos é menor...
        O hardware é bom, tem umas funções legais que vem desde os tempos do Google como os gestos e o Moto Tela mas esse descaso com o suporte é demais pra mim engolir.


  • Penskemen há 5 meses Link para o comentário

    Eu tenho como afirmar... Nem esse Moto G-60 nem o Moto G-100 batem no Moto G 5G Plus "no conjunto" Eu tenho esse aparelho e posso garantir que ele é "the flash" no desempenho geral por ter 8gb de RAM, câmeras boas, inclusive com duas lentes na câmera frontal, bateria que vai te atender o dia todo "com folga" E o melhor de tudo, o preço dele baixou, e tem a banda 5G nativa. Acho que na relação custo/benefício, ele ainda é o melhor de todos modelos mais novos da Motorola.


  • João há 5 meses Link para o comentário

    Outra bosta.
    Tanto ela quantos as outras investem muito em câmera, e se esquecem do mais importante: processador. Eu prefiro câmera inferior a esta mas o aparelho com mais poder de fogo.
    Também prefiro display de 1440 por 60Hz do que 1080 (Full HD) a 120 Hz

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.