NextPit

Snapdragon 835 alcança nova pontuação em teste de benchmark

Snapdragon 835 alcança nova pontuação em teste de benchmark

A Qualcomm anunciou o Snapdragon 835 há algumas semanas em parceria com a Samsung, que usará o chipset em seu próximo topo de linha. O processador já tinha sido submetido a um teste de benchmark no final do ano passado, mas, agora, um novo teste revela que o 835 atingiu nova pontuação, talvez por ter recebido otimizações e melhorias. Os detalhes sobre o teste estão no tópico "benchmark".

Destacar mudanças recentes

Pegue um atalho

Snapdragon 835: configurações

O Snapdragon 835 possui oito núcleos de processamento trabalhando a um clock de 2,2 GHz e GPU Adreno 540, uma otimização da Adreno 530 dos Snapdragon 820/821, e que promete um ganho de 30% no desempenho gráfico.

O System-on-Chip (SoC) chegou ao mercado usando a nova tecnologia de 10 nanômetros FinFET. No mundo real, isso significa que smartphones embalados pelo Snapdragon 835 terão um poder de processamento maior, com consumo de energia até 40% menor em comparação aos modelos 820/821.

Além disso, a Qualcomm confirmou as informações de que o Snapdragon 835 é 30% menor, 27% mais rápido e 40% mais eficiente que o seu predecessor, o Snapdragon 820. Como o chipset usa o design de 10 nm, consegue hospedar mais de 3 bilhões de transistors e permite que os engenheiros possam criar smartphones mais finou e com baterias maiores. Tal qual foi possível com o chip de 14 nanômetros que a Samsung trouxe no Galaxy S6, em 2015.

Somado a isso, ainda temos otimizações nos recursos de carregamento rápido, autonomia da bateria, câmera, conectividade e segurança.

Tempo de conversa Reprodução de música Transmissão de vídeo 4K Tempo carregamento rápido
1+ dia 5+ dia 7+ horas 5 horas em 15 minutos

Tecnologia VR

Para impulsionar a tecnologia VR, a Qualcomm apostou na otimização de duas características pontuais no Snapdragon 835: restrições térmicas e de energia. Pare se ter uma ideia, a nova CPU oferece renderização de gráficos 3D 25% mais rápidas e 60 vezes mais cores na tela em comparação com o Snapdragon 820. O áudio e o acompanhamento da imagem em movimento também foram melhorados.

Câmera

A fotografia foi melhorada com uma nova geração de estabilização de vídeo em 4K (EIS 3.0). A Qualcomm também melhorou a estrutura de foco automático híbrido capaz de detectar com mais rapidez a mudança de iluminação nas fotos e vídeos. O chip também está pronto para lidar com a configuração de câmera dupla direto de fábrica, incorporando a plataforma Clear Sight, que permite às fabricantes experimentam mais livremente este tipo de tecnologia.

Conectividade

Para oferecer conectividade de ponta, o Snapdragon 835 está equipado com um modem X16 LTE e suporte personalizado para redes Wi-Fi 802.11ad. Ele suporta velocidades de download de pico até 10x mais rápidas do que os dispositivos 4G LTE de primeira geração. O próprio modem é 45% menor e possui uma eficiência de energia 60% maior.

snapdragon 820 835 penny image
Snapdragon 820  (esquerda) ao lado do Snapdragon 835 (direita) / © Qualcomm

Segurança

O Snapdragon 835 também oferece mais segurança, graças à plataforma Haven que fornece três camadas de segurança: SoC, dispositivo e sistema. Ele pode autenticar o usuário com códigos PIN, impressões digitais, leitura de íris e facial. Assim, prepare-se para ver mais smartphones e tablets com scanners de íris ou câmeras de segurança a partir de agora.

Inteligência artificial

A Qualcomm está apostando na tecnologia de aprendizagem automática, utilizando a capacidade de computação do Snapdragon 835 para oferecer recursos como reconhecimento de objetos para obter fotos melhores, rastreamento manual em tempo real para experiências de realidade virtual imersiva, reconhecimento de voz para assistentes virtuais e autenticação biométrica.

Snapdragon 835: benchmark

Este não é o primeiro teste de benchmark no qual o Snapdragon 835 é submetido. Em dezembro de 2016 um modelo com Android 7.1.1 Nougat e 4GB de memória RAM marcou 2.004 pontos com o Snapdragon 835 no quesito singre-core, e 6.233 pontos no multi-core. Outro teste foi feito no AnTuTu, onde o chipset obteve a pontuação máxima de 5.426 pontos, o que não foi considerado um número surpreendente, visto a CPU Kirin 960 havia marcado uma pontuação melhor.

Agora, contudo, um novo teste no Geekbench foi divulgado, e temos o Snapdragon 835 embalando um modelo da Huawei com 6GB de memória RAM e Android 7.0 Nougat. Nesse teste, o processador marcou 6.439 pontos no multi-core e 1.949 pontos no single-core, que são pontuações bem acima daquelas obtidas em dezembro. A Qualcomm provavelmente trabalhou em otimizações e melhorias para o SoC nos últimos meses:

Snapdragon 835 no Geekbench Single-core Multi-core
Dezembro/ 2016 2.004 pontos 6.233 pontos
Fevereiro/ 2017 1.949 pontos 6.439 pontos

Abaixo, você confere a imagem do teste:

Snapdragon 853 Geekbench 2aenv
Snapdragon 835 no Geekbench / © Geekbench

A seguir estão todos os aspectos que foram avaliados no hardware:

Snapdragon 835 geekbench2c 2 side
Avaliação de hardware do Snapdragon 835 / © Geekbench

Snapdragon 835: smartphones

Levando em consideração esta parceria entre a Samsung e a Qualcomm, muito provavelmente o Snapdragon 835 irá embalar o novo Galaxy S8. Porém, este não deverá ser o primeiro aparelho a chegar com tal componente interno, pois outros produtos devem ser anunciados com esse chipset nos próximos meses.

E aí, o Snapdragon 835 não parece mesmo o melhor processador já fabricado?

Gostou do artigo? Então compartilhe!
Comentar agora

ÚLTIMOS ARTIGOS

Artigos recomendados

Os comentários favoritos dos leitores

163 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • arthur4g b. 08/02/2017 Link para o comentário

    Eu simplesmente não ligo pra Antutu... O que vale mais é rodar apps e não esquentar... O resto é preço de banana...


  •   85
    Conta desativada 08/02/2017 Link para o comentário

    Só digo que é bom quando ver na prática mesmo, funcionando em um smartphone que já esteja no mercado. Antes é só essas especulações que na maioria dos casos nem se concretiza....


  • Ramon Vargas 08/02/2017 Link para o comentário

    excelente processador !
    Vai ser ótimo pra acessar o facebook, mandar msgs pelo whatsapp, e postar fotos no instagram ! hahahah


  • Maciel Felipe Borges 07/02/2017 Link para o comentário

    Na boa, esperava bem mais deste processador! Achei a pontuação Single-Core (Que ao meu ver é a que mais importa) muita baixa. Hoje o Apple A10 (que ainda é feito em 16nm) Faz 3300 no Single-Core e 5400 No Multi- Core, isso com somente 2 núcleos...


    • Yuri Barbosa 08/02/2017 Link para o comentário

      VC está confundido com a9 colega. A10 é quad e com litografia de 14nm já.


      • Maciel Felipe Borges 09/02/2017 Link para o comentário

        Não estou não amigo! A9 que tem versões em 14 (fabricado pela Samsung) e 16nm ( fabricado pela TSMC), A10 é somente em 16nm, e não é Quad, é dual, dois núcleos de alto desempenho a 2.3 GHZ e dois núcleos de baixo consumo. Somente dois pares ficam ativos ao mesmo tempo, ou os dois de alto desempenho ou os dois de baixo desempenho, por isso não considero isso um verdadeiro Quad-core.


  • José Luís Silva Martiniano 07/02/2017 Link para o comentário

    Não só parece, como de fato é!!!


  • Marcio Torres 07/02/2017 Link para o comentário

    Na prática as coisas são outras, acredito que esses testes são feitos em sistemas bem otimizados, sem qualquer outro app instalado ou quem sabe em um sistema sem interface para que fique ainda mais otimizado, ou que sabe, patrocinados pelos interessados...


  • Victor Lima 07/02/2017 Link para o comentário

    não me parece aqueeeeela atualização do 820...


  • Paulo Freitas 07/02/2017 Link para o comentário

    Queria que as baterias acompanhassem esse avanço, porque parece que as fabricantes só focam em poder de processamento, hj em dia eu uso um celular básico, porque não vira uma torradeira na minha mão e nem descarrega em 3 segundos.


  • Alisson Lima 07/02/2017 Link para o comentário

    Bom mesmo seria se existissem aplicativos q utilizassem todo esse poder. Hahahaha!


    • Moisés 07/02/2017 Link para o comentário

      É para inflar o ego daqueles que acham que só high end roda jogos..


  • Moisés 07/02/2017 Link para o comentário

    Como eu imaginei. O s8 internacional com 4gb ram.

    De qq jeito 4gb ddr4 > 6gb ddr2

    6gb ddr2 é muito usado em xing ling para baratear.


  • Nivaldo Cavalcante 07/02/2017 Link para o comentário

    Quero um Snap 835! Só quero, pois pelo preço vou ficar mais um ano no 808.


    • Daniel Moura 07/02/2017 Link para o comentário

      e eu ainda tô no 801 :-D


      •   85
        Conta desativada 08/02/2017 Link para o comentário

        801 foi um dos melhores, tão bom que quase toda a safra dos High ends de 2014 usou...


  • MrFranklin 07/02/2017 Link para o comentário

    Huawei usando snapdragon? Ela não faz seus próprios Socs?


  • Anderson Maciel 07/02/2017 Link para o comentário

    Na prática o que mais interessa é a pontuação single core e essa está bem atrás ainda do A10 Fusion da Apple.


  • Moisés 07/02/2017 Link para o comentário

    O de dezembro é o Mi6, o de hoje é o s8.

    Óbvio que protótipo sempre tem números melhores, querem testar até o limite.

    Achei em sites orientais que um protótipo do Mi 6 fez uns 210 mil no antutu.


    •   85
      Conta desativada 08/02/2017 Link para o comentário

      Tbm li sobre isso, se for pqp, primeiro smartphone a bater essa marca de 200k...

Mostrar todos os comentários
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.