Samsung Galaxy M32: intermediário traz bateria para maratonar

Samsung Galaxy M32: intermediário traz bateria para maratonar

A Samsung apresentou na Índia um novo smartphone intermediário, o Galaxy M32. A empresa quer marcar pontos com a bateria espessa de 6000 mAh e a tela melhorada, destacando o potencial do aparelho para maratonar séries em serviços de streaming.

  • Samsung Galaxy M32 foi lançado na Índia;
  • Tela de 6,4 polegadas de 90 Hz;
  • Equipado com processador Helio G80 da Mediatek, portanto sem 5G;
  • Lançamento no ocidente ainda não confirmado;

A Samsung expandiu sua linha de smartphones de intermediários e trouxe o Samsung Galaxy M32, o sucessor do bem-sucedido M31. Existem muitos paralelos entre os dois modelos, mas a Samsung também pensou em colocar melhorias suficientes no celular anunciado na Índia.

Tela Full HD com taxa de atualização de 90 Hz

Na página da Amazon India, a Samsung apresenta o M32 como um "bingemonster", referência ao fato de combinar uma grande tela com uma bateria de longa duração. Como seu predecessor, o Galaxy M32 usa uma tela Super AMOLED de 6,4 polegadas com resolução FHD+, mas desta vez com uma taxa de atualização aumentada de 60 para 90 hertz.

Samsung Galaxy M32 Bingemonster
Vamos esperar e ver se a Galaxy M32 se prova como um "bingemonster" / © Samsung

Além disso, o componente alcança 800 nits no "Modo de Alto Brilho". A Samsung instalou uma bateria com capacidade de 6.000 mAh para que você não tenha que se preocupar por um bom tempo com a autonomia da bateria quando der o play no primeiro episódio. Por outro lado, a Samsung não bate nenhum recorde de velocidade de carga com 25 watts, mas pelo menos ela inclui o carregador na caixa - mas o acessório tem potência de apenas 15 watts.

Chip MediaTek sem 5G e câmera quádrupla

O modelo de médio alcance é alimentado pelo SoC Helio G80 da Mediatek, que não é compatível com 5G. Depois de vários dispositivos Samsung, como o Galaxy A52 5G, que incluem o novo padrão, aparentemente ele não foi considerado necessário para o M32, o que não é de se estranhar, já que a linha M é voltada para países como a Índia ou o Brasil.

A RAM vem em opções com 4 e 6 GB, e você pode escolher entre 64 e 128 GB de armazenamento, que você pode expandir via cartão microSD. Quanto às câmeras, a Samsung apresenta um sensor de 64 MP no M32, além disso, são usadas uma câmera ultra grande angular com 8 MP, uma câmera macro com 2 MP e, finalmente, um sensor de profundidade com (adivinhe?) 2 MP.

samsung galaxy M32 lightblue back
Esta é a aparência do módulo de câmeras no Galaxy M32 / © Samsung

"Quad-cam" sempre parece ótimo, mas não dá para esperar muito dos dois últimos sensores. Na frente, a câmara de selfie com 20 MP está localizada em recorte em "U" na tela. Em termos de software, a Samsung instala o Android 11, sobre o qual roda a Samsung One IU.

Samsung Galaxy M32: preço e disponibilidade ainda no ar

Para começar, o Galaxy M32 foi lançado na Índia, onde o dispositivo estará disponível inicialmente exclusivamente pelo Amazon a partir de 28 de junho. Mas como o M31 também estava disponível para compra no Brasil e Europa, parece bem provável que o novo modelo chegue a outros mercados.

Na Índia, o modelo com 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento flash custará o equivalente a cerca de R$ 1.000. A opção com 6 GB e 128 GB tem preço sugerido equivalente a R$ 1.150. Mas é claro que os valores para um eventual lançamento no Brasil serão diferentes (o Galaxy M31 custa cerca de R$ 1.600 na data de publicação do texto).

Samsung Galaxy M32 Device Page
Design do Samsung Galaxy M32 não foge do estilo da marca / © Samsung

O Galaxy M32 já foi certificado junto à Anatel, o que sugere que não falta muito para o lançamento no Brasil. Assim que houver preços confirmados e uma data de estreia para o modelo no Brasil, atualizaremos este artigo.

ÚLTIMOS ARTIGOS

1 comentário

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Jairo rios há 1 mês Link para o comentário

    Diferença de 60% nos preços entre Índia e Brasil , é muita coisa.