Samsung Galaxy S21 FE tem versão com chip Exynos listada no Google Play

Samsung Galaxy S21 FE tem versão com chip Exynos listada no Google Play

Após aparecer no banco de dados de testes do Geekbench, o modelo Exynos do futuro Samsung Galaxy S21 FE foi listado no Google Play Console, catálogo de dispositivos do sistema operacional Android. O registro praticamente confirma a estratégia de diferentes modelos do celular, mas não indica quais mercados receberão cada um deles, detalhe que pode estar escondido nos benchmarks do aparelho.


Resumo

  • Galaxy S21 FE é listado no Google Play Console com versões Snapdragon 888 e Exynos 2100;
  • Diferentemente de anos anteriores, SoCs registram desempenhos equivalentes no Geekbench;
  • Código de produto no Geekbench pode ser pista de que versão Exynos é destinada à Europa;

O Galaxy S21 FE já estava listado no Google Play Console, mas apenas em uma versão equipada com o processador Qualcomm SM8350 — código de produto do SoC Snapdragon 888 — e o código de produto "r9q". A outra versão, identificada como "r9s", é listada com o chip Exynos 2100.

Samsung Galaxy S21 FE nextpit
Cadastro do Galaxy S21 FE praticamente confirma a disponibilidade de versões Snapdragon e Exynos / © Google

Curiosamente, o modelo Exynos é listado com 8 GB de memória RAM, enquanto a versão Snapdragon está catalogada com 6 GB, o que pode indicar as opções mínimas de memória para cada versão. Vale uma certa cautela ao interpretar as informações apresentadas, já que a listagem mantém algumas informações que provavelmente são errôneas, caso da curiosa resolução de 1080x2009 pixels.

Desempenho equivalente entre as versões Snapdragon e Exynos

Para quem se desanimou com o esperado lançamento da versão Exynos — contrariando os boatos surgidos no primeiro semestre de que só haveria uma versão Snapdragon — um consolo são os números de desempenho registrados no benchmark Geekbench, no qual as duas variantes apresentaram uma performance muito próxima.

Samsung Galaxy S21 FE
Identificadores de produtos podem dar uma pista dos mercados que receberão cada versão / © Google

No banco de dados do benchmark, o modelo Exynos aparece com o código de produto SM-G990E, enquanto o celular equipado com o chip lahaina (codinome da plataforma Snapdragon 888) é listado para os aparelhos SM-G990U e SM-G990B. No Geekbench, a versão equipada com o Exynos 2100 conta com mais memória RAM, reforçando a informação no Google Play Console.

Os resultados no teste de desempenho mostram diferenças na casa dos 5%, com variações dentro da margem de erro, geralmente com uma leve vantagem para o Snapdragon 888 no teste single-core.

O identificador usado pelo Galaxy S21 FE no Geekbench levanta algumas dúvidas, já que apesar das letras U e B serem bastante usadas nos códigos de produtos da fabricante sul-coreana — indicando respectivamente versões para os Estados Unidos e globais — a letra E não é geralmente adotada pela Samsung. É possível que indique tanto Europa (que costuma receber as versões F ou B) quanto Exynos...

Manuais vazados

Outro indício da proximidade da chegada do Galaxy S21 FE é o vazamento de não apenas um, como três manuais diferentes do aparelho, todos pelo site SamMobile. Além do (enorme) manual de usuário tradicional, o site divulgou os guias de uso das operadoras norte-americanas Cricket e Verizon.

Além de não citarem uma saída para fones de ouvido — o que as renderizações já adiantaram — os documentos não fazem menção à compatibilidade com cartões microSD. Sugerindo que o S21 FE não terá o leitor de cartões de memória, assim como os demais modelos da linha S21.

Confira outros rumores e informações preliminares sobre o Galaxy S21 FE na página do aparelho aqui no NextPit. Será que o novo modelo consegue repetir a receita de preço competitivo da geração anterior? Tem alguma preferência entre as versões Snapdragon ou Exynos? Deixe sua opinião no campo dos comentários!

Gostou do artigo? Então compartilhe!
Comentar agora

6 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Vinicius Guerra há 5 dias Link para o comentário

    Dessa vez a Samsung acertou no Exynos 2100, pois ele aquece menos que o Snapdragon 888. Parece até maluquice, mas testes comprovam isso.

    A concorrência é importante para o consumidor, nunca fui muito entusiasta do Exynos, mas o salto de qualidade em relação a versão anterior é gritante. Claro, por ser um topo de linha, esses chipsets, aquecem mais mesmo. Temos que ressaltar quando uma empresa consegue depois de muito tempo, entregar o que se espera. O abismo entre ambos acabou.


    • Rubens Eishima
      • Equipe
      há 5 dias Link para o comentário

      Tem umas teorias que dizem que não foi tanto a Samsung que melhorou com o Exynos 2100, mas a Qualcomm que deu um passo pro lado trocando a TSMC pela Samsung Foundry. :p


  • Penskemen há 5 dias Link para o comentário

    Um aparelho de alto custo, com versões equipadas com duas marcas de processador, para o mesmo modelo da Samsung; eu já assisti esse filme antes....
    Advinhem qual versão será vendida no Brasil, e qual a versão será vendida nos E.U.A. ?
    A "linha S" da Samsung a cada lançamento está mais cara, será que em algum momento não seria mais racional migrar para um iPhone ? Afinal na relação de smartphone premium e de alta tecnologia, a Apple joga a Samsung no chão do ringue🥊🤕


    • Rubens Eishima
      • Equipe
      há 5 dias Link para o comentário

      Pois é, mas o modelo com final B (que geralmente é a versão internacional para o Brasil e Europa) é o celular com Snapdragon... Tô bem curioso com o que vai acontecer nessa linha.

      Historicamente, os modelos B são os Exynos, e os vendidos pra gente:
      Galaxy S21 - SM-G991B
      Galaxy S21 Ultra - SM-G998B
      Galaxy Note 20 - SM-N981B
      Galaxy Note 20 Ultra - SM-N986B
      B/F = global
      U geralmente é o desbloqueado pros EUA
      W pro Canadá
      N pra Coreia
      0 (zero) pra China
      etc.


    • Anderson Maciel há 5 dias Link para o comentário

      Fui usuário de iPhone por 10 anos, passando pelo 4, 5 e 8. Este ano comprei um S20FE pra mim e vou te dizer que estou impressionado com a evolução da Samsung nos últimos anos. A Apple já não está mais com toda essa bola não, nem em hardware nem em sistema.


    • Jairo rios há 4 dias Link para o comentário

      Sou usuário dos 2 ,em qual parâmetro a Apple joga a Samsung no chão? Talvez no status , mais nada.

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.