É assim que testamos os smartphones no NextPit

É assim que testamos os smartphones no NextPit

Todos os meses, nós aqui no NextPit testamos os últimos celulares, tablets, fones de ouvido e outros gadgets. Somente no ano passado, avaliamos mais de 100 produtos. Apesar de fazermos isso há algum tempo, pensamos que agora seria uma boa hora para dizer a vocês, nossos leitores, como fazemos para testar os produtos no NextPit.

A princípio, queremos dizer que tomamos várias medidas para garantir a comparabilidade dos resultados dos testes. E, para isso, desenvolvemos um procedimento de teste padronizado. Sim, diagramas de medição de espaço de cor e pares de linhas por milímetro são divertidos de se ver. Mas embora acreditemos que os testes de laboratório e os testes científicos desempenham um papel importante em algumas situações, também levamos muito tempo para explicar (e mostrar) as diferenças entre os diferentes dispositivos usando exemplos do mundo real.

Para citar um exemplo, vamos descrever como nossas músicas favoritas soam de forma diferente quando usamos vários fones de ouvido em vez de mostrar uma curva de resposta em freqüência. E nos encarregaremos de mostrar dezenas de fotos de amostra diferentes e numerosas comparações de fotos entre vários smartphones para que você possa ver os resultados e tomar suas próprias decisões informadas.

Nossa equipe editorial usou e testou centenas de diferentes celulares, fones de ouvido e outros eletrônicos ao longo dos anos. Fique tranquilo, com essa experiência, o NextPit tem a certeza de que você certamente acabará adquirindo o melhor produto com base nas suas necessidades.

Como obtemos os dispositivos avaliados?

A maioria dos equipamentos testados é colocada à disposição da equipe editorial do NextPit por empréstimo e gratuitamente. Em alguns casos, podemos comprar os dispositivos. Seja qual for o caso, a origem do produto não influencia nossa avaliação final. O resultado é sempre independente e objetivo.

Alguns fabricantes também são parceiros publicitários no NextPit. Entretanto, as campanhas publicitárias ou artigos pagos são claramente marcados como tal. Além disso, utilizamos também links de afiliados e podemos receber alguma comissão pelas vendas. Entretanto, este fato nunca influenciará de forma alguma nossas classificações.

Nosso método de avaliação e a pontuação resultante do teste baseia-se nos seguintes critérios, cuja composição será adaptada dependendo da categoria do dispositivo que for testado:

Qualidade de design e construção

Ah sim, o design. Isso é algo sobre o qual você pode discutir durante horas, e certamente está nos olhos de quem vê. Mas sim, há alguns critérios bastante objetivos. Um celular desequilibrado com materiais baratos e combinações de cores estranhas terá pontuações mais baixas do que um dispositivo de design limpo, feito com materiais de maior qualidade como vidro e metal. Para garantir que o avaliador original tenha dado a pontuação correta, a nota também é verificada por um segundo editor.

A qualidade de construção, por outro lado, é mais fácil de julgar. Qual é a sensação ao toque do dispositivo? Ele se dobra e torce? Como são feitos os botões e as conexões? O dispositivo é à prova de riscos, impactos e/ou água? Todos estes fatores têm um papel importante na forma como chegamos a uma pontuação final.

Tela

Todo dispositivo que tem um display precisa passar por alguns testes visuais. Verificamos o brilho da tela, contraste, taxa de atualização e espaço de cor, e possíveis restrições devido a cantos e bordas arredondados ou recortes para a câmera ou alto-falantes.

Em nossas revisões, usamos dois softwares; HCFR e um Spyder4Elite, para medir o contraste, o brilho de pico e a reprodução de cores. Além disso, contamos com a experiência e o julgamento de nossos editores para revisar o dispositivo. Por último, mas não menos importante, verificamos a capacidade de resposta do digitalizador da tela tátil sob várias condições, desde o uso diário até os jogos.

Software e operação

O papel que um bom software desempenha em um gadget moderno é crucial. Não importa o quão potente seja o hardware, a experiência de uso pode ser estragada por um software ruim. A equipe editorial do NextPit compreende isto e analisa de perto o sistema operacional instalado e as mudanças que um fabricante pode ter implementado em comparação com a versão original do sistema (especialmente o Android).

Outro aspecto importante é o ecossistema construído em torno do sistema operacional em relação à disponibilidade de aplicativos, dispositivos compatíveis e acessórios. Finalmente, a estratégia de atualização da fabricante desempenha um papel importante em nossas análises, pois influencia a longevidade do dispositivo.

Desempenho

Verificamos tanto as especificações técnicas do dispositivo quanto seu desempenho prático. Para isso, realizamos uma série predefinida de testes de referência sobre o aparelho que podem variar de acordo com a categoria do dispositivo.

Entretanto, a equipe editorial do NextPit também submete o dispositivo a vários testes diários e monitora de perto como ele se comporta no uso cotidiano.

Além do desempenho do sistema, as conexões sem fio (4G / 5G) também são avaliadas e recompensadas. Pontos extras são concedidos se o celular for compatível com um novo padrão de comunicação, como o Wi-Fi 6 ou UWB em 2021.

Áudio

Nossos testes de áudio variam muito dependendo da categoria do dispositivo. Para os smartphones, a qualidade da chamada em ambas as direções (ouvir e falar) é importante — tanto com quanto sem ruído ambiente. Como fazer chamadas ainda é uma característica importante em um telefone, ela recebe atenção especial. Para os celulares, também verificamos a qualidade do(s) alto-falante(s) em termos de graves, clareza e sonoridade.

Dispositivos como fones de ouvido e alto-falantes — nos quais a qualidade de áudio desempenha um papel ainda maior —, são testados usando uma ampla variedade de músicas em vários gêneros musicais. Para fones de ouvido, também verificamos o funcionamento do recurso de cancelamento ativo de ruído (ANC), se disponível.

Câmera

Como os smartphones praticamente substituíram as câmeras compactas dedicadas, seus sistemas fotográficos desempenham um papel importante em nossas avaliações. Entre as coisas a que damos importância em nossos testes de câmeras em celulares estão: Quão flexível é o sistema de lentes da ultra-angular à teleobjetiva? A câmera tem alguns extras em termos de hardware e software? Todas as diferentes câmeras funcionam bem em conjunto e o aplicativo é de fácil utilização?

Também examinamos a qualidade da imagem sob diferentes condições de iluminação, desde a luz do dia até a escuridão. Como a reprodução de cores, o ruído da imagem e a reprodução de detalhes variam sob diferentes condições? O foco automático da câmera é rápido e confiável?

Por último, mas não menos importante, damos uma olhada detalhada na qualidade de vídeo. Observamos as resoluções máximas suportadas e as taxas de quadros, ao mesmo tempo em que verificamos o quão estável é a imagem. E, é claro, também examinamos como a qualidade do vídeo se apresenta sob diferentes condições de iluminação.

Bateria

Vários fatores desempenham um papel importante com as baterias recarregáveis: Qual capacidade a bateria oferece? Pode talvez ser carregada sem fio, e suporta carga rápida com ou sem fio? Existem configurações sensatas de economia de energia?

A vida útil da bateria é especialmente importante para o uso de praticamente qualquer aparelho moderno (olhando para você, Google Glass!). Assim, também classificamos a bateria no contexto geral do mercado no NextPit e deduzimos significativamente pontos para uma vida útil relativamente curta da bateria.

Procedimento de teste

A seleção destes critérios de teste reflete a história do NextPit: anteriormente AndroidPIT. Embora os celulares ainda sejam nosso negócio principal, nós também testamos dispositivos de diferentes categorias. Por exemplo, recentemente avaliamos bicicletas elétricas, aspiradores de pó robotizados, e alto-falantes domésticos inteligentes. Nestes casos, uma avaliação de câmera (inexistente) é, naturalmente, inútil. Portanto, podemos omitir completamente determinados pontos de avaliação, dependendo da classe do dispositivo.

Pontuação do teste

Testamos nossos produtos de acordo com uma lista de verificação clara e com procedimentos padronizados. No entanto, os produtos eletrônicos de consumo são tão diversos quanto seus usuários e públicos-alvo. Os editores do NextPit atribuem pontuações individuais aos pontos individuais, que são então aplicadas ao sistema de estrelas de acordo com a categoria do produto.

Para dar à comunidade NextPit uma indicação clara da classificação geral, nós dividimos nossas pontuações dessa forma:

Pontuação nos testes do NextPit

5 estrelas: Este produto não tem absolutamente nenhum ponto fraco e oferece uma vantagem tecnológica real sobre a concorrência em pelo menos uma categoria principal.
4,5 estrelas: Uma clara recomendação de compra: este produto não tem nenhum ponto fraco e está acima da média em todas as categorias.
4 estrelas Este produto é melhor do que a média geral. Pode haver pequenas fraquezas aqui e ali, mas elas não prejudicam o desempenho geral.
3,5 estrelas Médio: embora este produto seja bom em algumas áreas, ele também apresenta falhas técnicas perceptíveis que afetam sua função no uso diário.
3 estrelas Este produto oferece um desempenho abaixo da média. Existem alternativas no mercado que são uma melhor opção em todos os aspectos nesta faixa de preço.
2,5 estrelas Não é mais uma recomendação clara de compra. Este produto oferece fraquezas claras e não pode cumprir pelo menos uma característica importante.
2 estrelas Problemas técnicos impedem que este produto funcione como prometido. Uma compra só faz sentido em casos muito especiais.
1,5 estrelas Este produto tem graves problemas técnicos e não pode cumprir nenhuma de suas funções primárias. Portanto, desaconselhamos claramente a compra do produto.
1 estrela Cheira a fraude: O fabricante deste produto está enganando intencionalmente seus clientes. O produto não cumpre de forma alguma a gama de funções prometida ou simplesmente não funciona.

Nossas pontuações de teste não "envelhecem". Isto significa que eles sempre se referem ao período em que o teste foi realizado e ao último firmware disponível para o dispositivo naquele momento. Antes de iniciarmos um teste, sempre nos certificamos de que o software mais recente esteja instalado. Se os dispositivos forem unidades de pré-produção ou ainda estiverem executando firmware de pré-lançamento, indicaremos isso no teste.

"Também posso escrever um teste para o NextPit?"

Estamos sempre procurando avaliadores talentosos da comunidade que ocasionalmente queiram testar produtos e compartilhar seus resultados com a comunidade NextPit. Valorizamos não apenas um claro entendimento técnico, mas também um estilo de escrita claro e estruturado. Pagamos uma taxa fixa para cada relatório de teste. Como o esforço para aprender e garantir a qualidade do nosso lado é inicialmente alto, queremos apenas testadores de longo prazo.

Entenda também que nós designamos os dispositivos para os testadores da comunidade e que não podemos aceitar pedidos para os respectivos dispositivos.

Por favor, envie-nos um e-mail através do formulário de contato se você estiver interessado.

Sem comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.