Samsung anuncia sensor com 200 megapixels: seria esta a câmera do Galaxy S22?

Samsung anuncia sensor com 200 megapixels: seria esta a câmera do Galaxy S22?

A Samsung apresentou novos sensores de câmera Isocell. Com 200 MP, a Isocell HP1 é candidato a equipar o Samsung Galaxy S22 (UItra), que será lançado no começo de 2022.


  • Samsung anuncia sensores de câmera Isocell HP1 e GN5;
  • Isocell HP1 oferece 200 megapixels e três opções de combinação de pixels;
  • O primeiro dispositivo com este sensor poderia vir da Xiaomi.

108 megapixels - até agora, esse era o limite para os sensores de câmera da Samsung e era encontrado, por exemplo, no Samsung Galaxy S21 Ultra. Agora os sul-coreanos acabaram de anunciar dois novos sensores, com destaque para o modelo Isocell HP1 que trás incríveis 200 megapixels.

A Samsung orgulhosamente apresenta o Isocell HP1 como o "primeiro sensor de imagem móvel de 200 megapixels que oferece a mais alta resolução possível para um smartphone". Em vista deste novo salto na corrida dos megapixels, é claro que sabemos que mais megapixels não garantem automaticamente uma câmera melhor. A Samsung também sabe disso e tem mais a oferecer do que apenas slogans de marketing.

Samsung Isocell HP1
Com o novo sensor, a Samsung quer agitar o mercado / © Samsung

Além dos 200 megapixels, o sensor oferece pixels com 0,64 micrômetros. Por padrão, porém, você não fotografa com 200 MP com esta câmera, mas com 50 MP. A Samsung apresenta uma nova tecnologia de combinação de píxeis chamada "ChameleonCell". Isto torna possível variar a disposição dos pixels de modo que até 16 pontos sejam combinados em um só ou a grade completa de 200 MP possa ser usada além do agrupamento de 2x2 pixels no modo padrão (o antigo Tetracell).

Segundo a Samsung, as vantagens das novas possibilidades estão especialmente em condições de baixa luminosidade. Em um ambiente com pouca luz, explica a Samsung, o Isocell HP1 se transforma em um sensor de imagem de 12,5 MP com pixels de 2,56 μm, fundindo 16 pontos em um pixel final. Os pixels de 2.56 μm em tese são capazes de absorver mais luz e serem mais sensíveis, resultando em fotos mais brilhantes e claras dentro de casa ou à noite.

Além disso, o HP1 pode gravar vídeos 8K a 30 quadros por segundo, ou alternativamente vídeos 4K a 120 fps ou vídeos Full HD a 240 fps.

Novos sensores no Galaxy S22?

Além do Isocell HP1, a Samsung também apresentou o Isocell GN5 com 50 megapixels. O sensor com pixels de 1 mícron vem com a nova tecnologia "Dual Pixel Pro" e, portanto, é capaz de focar mais rápido. Ambos os sensores já estão disponíveis como amostras para os fabricantes, mas ainda não sabemos quando começará a produção em massa. No entanto, é possível que veremos o primeiro hardware usando um dos novos sensores já neste ano.

Naturalmente, o Samsung Galaxy S22 se destaca como um candidato potencial para o sensor de 200 MP da Samsung. O celular é esperado para o início do próximo ano, portanto o Isocell HP1 estará quase certamente pronto até lá. Pessoalmente, porém, não estou convencido de que a Samsung dará este passo e talvez continue com os seus 108 MP.

Entretanto, suspeita-se que a Xiaomi poderia ser a primeira empresa a integrar um dos novos sensores de câmera. Há meses circulam rumores de que Xiaomi poderia usar um sensor de 200 MP dos sul-coreanos. Para novembro, estamos esperando o Xiaomi 12 Ultra e há também um novo boato do informante Digital Chat Station. Ele diz que este 12 Ultra usará o sensor de 50 MP da Samsung.

Descobriremos em novembro, no máximo, se a Xiaomi usará um ou mesmo os dois novos sensores Isocell em seu modelo flagship. Em qualquer caso, as chances são boas de que a nova tecnologia de câmera da Samsung estreie com a Xiaomi e não em um modelo Galaxy, algo que já aconteceu com os 108 MP do Xiaomi CC9 Pro usando o Isocell HMX em 2019.

Gostou do artigo? Então compartilhe!
Comentar agora

4 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Vinicius Guerra há 1 semana Link para o comentário

    Eu acho bem desnecessário ter tantos megapixels, para um usuário leigo, quanto maior melhor, mas pergunte para um fotógrafo se isso realmente faz a diferença?

    As empresas de um modo geral estão sem novidades, daí miram nessas futilidades, eu sempre pergunto, cadê a bateria de grafeno, vai chegar quando? Isso sim seria uma baita novidade e estamos sendo enrolados até hoje.

    Uma câmera de smartphone, evoluiu bem é verdade, mas não se compara com uma profissional, é outro nível,

    Os preços, esses sim evoluíram de forma assombrosa, tenebrosa, e tem que ser corajoso para pagar mais de 5 mil reais num smartphone e achar que está abafando com a tal câmera, que pode até ser boa, dar zoom e etc, mas e ai, qual o sentido nisso?

    Até já questionei as fabricantes Apple e Samsung nos respectivos SACs, mas não obtive respostas congruentes. Ou seja, é aquilo que comentei, o negócio é explorar o consumidor com números, mas nem sempre isso traduz em vantagem para o usuário.


  • Soterio Salles há 2 semanas Link para o comentário

    Que vai estar num celular da Xiaomi logo logo kkkkkkkkkkkkkkkkkk


  • Penskemen há 2 semanas Link para o comentário

    Nossa que coisa sem propósito...🤔
    Quando será que as empresas vão desenvolver sensores de câmeras com uma utilidade real para o usuário ?
    O verdadeiro calcanhar de Aquiles nas câmeras de celulares, não estão na super resolução dos sensores, o problema está na quantidade muito limitada do fator de ampliação do zoom óptico, e abertura insuficiente do diafragma para capturar imagens com pouca luz sem granular a imagem. Criar sensores com 200, 300 ou mais megapixel sem resolver esses problemas, é uma tremenda "inutilidade".


    • Rubens Eishima
      • Equipe
      há 2 semanas Link para o comentário

      Pois é, não à toa que alguns dos smarts com melhores câmeras usam sensores de 50 MP, e área de captura maior que esse Isocell.
      Desconfio que pixel de 0,64 micrômetro é muito pequeno pra valer a pena na captação de luz... mas vamos ver o que as fabricantes fazem com esse sensor...

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.