NextPit

Pixel 6 vs Pixel 6 Pro: qual flagship Google combina mais com você?

Pixel 6 vs Pixel 6 Pro: qual flagship Google combina mais com você?

A linha Pixel 6 promete ser um divisor de águas para o Google e o ecossistema Android. Além das novidades que você já conferiu no anúncio do celular, o flagship da empresa em 2021 traz algumas diferenças entre o modelo convencional e a versão Pro, indo além do tamanho maior da tela que caracterizava os modelos XL anteriores. Saiba o que muda entre o Google Pixel 6 e 6 Pro e qual escolher na hora de decidir entre os smartphones.

Enquanto a geração Pixel 5 contou apenas com um modelo — críticos destacarão ainda o SoC intermediário — a atualização 2021 da família de flagships Google conta com dois aparelhos verdadeiramente topos de linha. Mas ao invés de separá-los apenas pelo tamanho da tela e bateria, os modelos Pixel 6 trazem diferenças importantes, algumas com impacto no dia a dia.

  Linha Google 2021
Produto
Foto Google Pixel 6 Google Pixel 6 Pro
Tela OLED de 6,4 polegadas
1.080 x 2.400 pixels (411 PPP) a 90 hertz
OLED LTPO de 6,7 polegadas
1.440 x 3.120 pixels (512 PPP) a 120 hertz
SoC Google Tensor
2x ARM Cortex-X1 @ 2.80 GHz
2x ARM Cortex-A76 @ 2.25 GHz
4x ARM Cortex-A55 @ 1.80 GHz
20x ARM Mali-G78 (GPU)
Memória
(variam conforme a região)
8 GB LPDDR5-6400
128 GB ou 256 GB UFS 3.1
12 GB LPDDR5-6400
128 GB, 256 GB ou 512 GB UFS 3.1
Micro SD n/d
Câmera principal 50 MP | f1.85 | 25 mm | 1,2 µm | 82° FoV | OIS
(sensor Samsung GN1: 1/1.31'')
Ultra grande-angular 12 MP | f/2.2 | 16,3 mm | 114° FoV
Teleobjetiva n/d 48 MP | f/3.5 | 104 mm | 0,8 µm | 23,4° FoV | 4x zoom óptico | OIS
(sensor Sony IMX586: 1/2'')
Vídeo 4K a 60 fps (traseira)
1080p a 30 fps (frontal)
4K a 60 fps (traseira)
4K a 30 fps (frontal)
Selfies 8 MP | f/2.0 | 1,12 µm | 84° FoV 11 MP | f/2.2 | 1,22 µm | 94° FoV
Áudio Alto-falantes estéreo
Bateria 4.614 mAh 5.003 mAh
Carregamento com fio Máx. 30 watts
Carregamento sem fio (Qi) Máx. 21 watts Máx. 23 watts
UWB n/d Sim
Avaliação
Vá para o review
Vá para o review
Preços (no exterior) A partir de US$ 599 / € 649 A partir de US$ 899 / € 899
No Brasil somente por importação independente

Vamos entrar em detalhes sobre as diferenças mais abaixo. Caso mais diferenças apareçam durante os testes com os modelos, atualizaremos o texto.

Pixel 6 vs. Pixel 6 Pro: modelos e preços

A geração 2021 dos flagships Google se divide em dois modelos, semelhante ao que fazem a Samsung e Xiaomi com seus modelos topos de linha e a opção Ultra.

Preços sugeridos (no exterior)

Modelo Pixel 6 Pixel 6 Pro
128 GB US$ 599 / 649 € US$ 899 / 899 €
256 GB US$ 699 US$ 999 / 999 €
512 GB n/d US$ 1.099

As opções de armazenamento variam conforme o mercado onde o Google vende o aparelho e, ao que tudo indica, a Europa não terá as opções com mais capacidade de cada um dos modelos. O Brasil, novamente, fica de fora do lançamento do Pixel 6 e não deve receber o celular.

Vale destacar ainda que o modelo Pro está disponível em opções de cores mais sóbrias — branco, preto e bege —, enquanto o Pixel 6 tradicional tem versões mais coloridas — laranja e verde, além da opção na cor preta.

Pixel 6 vs. Pixel 6 Pro: tela é a maior diferença

À primeira vista, os dois modelos já podem ser identificados pela tela. Mas enquanto as versões XL das gerações Pixel anteriores — exceto a 5ª, que não teve uma opção com tela maior — se diferenciavam basicamente pelo tamanho da diagonal, a linha Pixel 6 traz importantes distinções.

A começar pela resolução, que é FullHD+ no modelo convencional (1.080 x 2.400) e QuadHD+ no Pixel 6 Pro (1.440 x 3.120). Considerando os tamanhos de tela — 6,4 e 6,7 polegadas, respectivamente — o resultado é uma maior densidade de pixels pontos no Pixel 6 Pro: 411 PPP contra 512 PPP.

NextPit Pixel 6 e 6 pro2
Tamanho, resolução, taxa de atualização e até as bordas mudam entre os modelos Pixel 6 / © Google

Além disso, outra diferença importante está no funcionamento do painel OLED. Enquanto o Pixel 6 mantém a taxa de atualização de 90 Hz da geração anterior, o Pixel 6 Pro conta com a tecnologia LTPO que permite alterar a taxa de atualização da tela de 10 a 120 Hz, otimizando o consumo de energia.

O acabamento da tela também muda entre os aparelhos, o modelo convencional é equipado com uma tela plana, enquanto o Pixel 6 Pro utiliza um display levemente curvo nas laterais. Na prática, o modelo mais caro tem bordas menores. Ambos os modelos contam com a proteção do Gorilla Glass Victus sobre o display, para reduzir a chance de riscos e estilhaços.

Pixel 6 vs. Pixel 6 Pro: novas câmeras

Na parte traseira, apesar de ambos os modelos seguirem um design parecido, a faixa horizontal que abriga o conjunto fotográfico guarda outra diferença entre os celulares Pixel 6. Enquanto ambos os modelos contam com os mesmos sensores principais e ultra-angular, a opção Pro se destaca pela câmera teleobjetiva.

A lente do sensor de 48 megapixels disponível apenas no Pixel 6 Pro é do tipo periscópica e oferece uma ampliação de 4x, com campo de visão de 23,4°, sem abrir mão da estabilização óptica de imagem.

google pixel 6 pro hero
Pixel 6 Pro tem câmera tripla enquanto Pixel 6 usa um conjunto duplo / © Google

A câmera de selfie também muda entre os modelos, com um sensor de 8 megapixels no Pixel 6 e 11,1 MP no Pro. Além disso, o campo de visão é diferente — 84° e 94°, respectivamente — e apenas o Pixel 6 Pro é capaz de gravar vídeos com a câmera frontal em resolução 4K; o modelo convencional faz gravações até 1080p, com 30 fps nos dois celulares.

Pixel 6 vs. Pixel 6 Pro: bateria e recarga

Como esperado, o Pixel 6 Pro aproveita as dimensões maiores para utilizar uma bateria com mais capacidade de carga — 5.003 mAh, contra 4.614 mAh do modelo menor. Mas segundo o Google, a autonomia entre os modelos deve ser equivalente, de cerca de 24 horas em uso normal, ou até 48 horas com o modo de economia de energia.

Na parte de recarga está outra diferença entre os modelos, mais especificamente no carregamento sem fio. Ambos são compatíveis com o padrão Qi, mas enquanto a potência máxima de recarga wireless do Pixel 6 é de 21 W, o Pixel 6 Pro é compatível com até 23 W.

Com fio, ambos são compatíveis com carregadores USB-C PD 3.0, a uma potência máxima de 30 W. Mas o adaptador de tomada não é incluído na embalagem de nenhum dos modelos Pixel 6, vale destacar.

Conclusão

Os celulares Pixel 6 e Pixel 6 Pro trazem diferenças importantes, lembrando a distinção entre os iPhone 13 e 13 Pro Max, ou então os Galaxy S21 e S21 Ultra. Não apenas a tela é maior, como também recursos como resolução, taxa de atualização e conjunto de câmeras mudam entre os modelos.

O conjunto mais sofisticado do Pixel 6 Pro se reflete no preço, cerca de 50% maior do que o do Pixel 6 padrão. Os valores por si só já ajudam a direcionar a escolha por um ou outro modelo, mesmo assim, os fãs de fotografia devem levar em consideração a câmera teleobjetiva, que oferece mais opções criativas, somado ao maior campo de visão da câmera frontal.

A tela é outro ponto a considerar, com a diferença entre os acabamentos plano e curvo, além dos pontos citados de tamanho, resolução e taxa de atualização.

Na minha opinião, o Pixel 6 Pro não chega a justificar o preço mais alto, ainda que entenda a importância da lente teleobjetiva e do display de 120 Hz. Para quem valoriza os dois pontos, porém, qualquer um dos dois aparelhos parecem ser os celulares Android mais interessantes do ano — junto com o Fold 3.

Qual o Pixel combina mais com você?

 

Fonte: Google

Os links compartilhados neste artigo são links de afiliados. Isso significa que o NextPit obtém uma pequena participação nos lucros se você comprar produtos através deles. Isso não gera custos adicionais para você e não tem nenhuma influência sobre o conteúdo editorial do site. Saiba mais sobre como monetizamos o site na nossa página de transparência.
Gostou do artigo? Então compartilhe!
Comentar agora

ÚLTIMOS ARTIGOS

Artigos recomendados

2 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Soterio Salles há 1 mês Link para o comentário

    Se eu fosse comprar iria direto no modelo Pro, mas não vai ser fácil mesmo se eu quisesse fora que ainda quero ver testes de câmera.


  • Jairo rios há 1 mês Link para o comentário

    Gostei do lançamento , boas specs e Android puro , tudo de bom , pelo fato da Google não comercializar no Brasil, será um gadget para poucos por aqui .