Atualização do WhatsApp: veja como vai funcionar a migração de histórico entre iOS e Android

Atualização do WhatsApp: veja como vai funcionar a migração de histórico entre iOS e Android

O WhatsApp não para de receber novidades, geralmente os recursos são testados primeiro entre os participantes do beta teste, mas logo acabam chegando também para todas as pessoas. Confira as últimas novidades que chegam com a atualização do WhatsApp, incluindo o uso simultâneo em vários aparelhos.

Aviso: nem todos os recursos citados em fase beta são distribuídos no app tradicional. Muitas vezes, o visual é alterado ou a novidade acaba sendo descartada em resposta à reação dos testadores beta. Além disso, algumas novidades — caso do uso em vários aparelhos, ou integração com sistema de pagamentos —, costumam levar mais tempo na fase de testes.

Pegue um atalho:

Principais novidades que chegam com a atualização do WhatsApp

Migração do histórico de conversas do iOS para Android

Atualizado em 29 de julho: além das novidades a caminho dos backups protegidos, o WhatsApp deve ganhar em breve uma opção para mover o histórico de bate-papo entre o iOS e o Android. A novidade foi revelada pelo site XDA Developers, que publicou capturas de tela do recurso.

WhatsApp ioS Screenshots
Transferência de chats entre iOS e Android funcionará a partir das configurações do WhatsApp / © Xda-Developers montagem: NextPit

Ainda em desenvolvimento, a migração funciona a partir de uma nova opção no menu de conversas, "Move chats to Android" (mover conversas para o Android, em tradução direta). Depois, é preciso usar um cabo para ligar o iPhone ou Android — Lightning-USB-C. O processo de importação é confirmada escaneando um código QR com o iPhone.

Mesmo com a aparição da nova opção no aplicativo para iPhone, o processo inverso — exportar do Android para iOS — ainda não deu sinais de que está próximo de ser lançado. De qualquer forma, nenhuma das duas opções tem previsão de disponibilidade geral no WhatsApp.

Backups protegidos com criptografia

Atualizado em 27 de julho: após anos guardando as cópias de segurança sem nenhuma proteção no iCloud ou Google Drive, o WhatsApp finalmente prepara o uso de criptografia de ponta a ponta para os backups na nuvem. Com a novidade em testes, revelada pelo WABetaInfo, será preciso confirmar uma senha ou chave de 64 dígitos (!) ao recuperar o histórico de mensagens e mídias.

WhatsApp Backup Safety
Esquecer a senha ou chave de segurança impede a recuperação do histórico do Zap / © Wabetainfo

Apesar da maior proteção contra bisbilhoteiros, a novidade guarda um perigo para pessoas descuidadas: esquecer a senha ou perder a chave de segurança basicamente elimina as chances de abrir o backup. Por isso, todo cuidado é pouco quando o recurso estiver disponível.

Beta teste do recurso de múltiplos dispositivos

Atualizado em 15 de julho: após meses de teasers e referências incluídas no aplicativo, o teste da opção de uso independente em vários aparelhos finalmente começou. A novidade está restrita a um grupo fechado entre quem usa o WhatsApp Beta, e permite registrar até outros 4 aparelhos, que funcionam sem depender do celular.

Atualizado em 7 de julho: em desenvolvimento há vários meses, a opção de usar o WhatsApp simultaneamente em vários aparelhos, incluindo o PC e o smart display Facebook Portal sem que o celular esteja conectado à internet, parece próximo de ser testado em público.

O site WABetaInfo revelou uma captura de tela do convite que deve ser enviado a quem usa as versões beta do aplicativo — atualmente sem vagas disponíveis. A mensagem explica que o recurso permitirá usar o perfil do WhatsApp em até 4 dispositivos adicionais, mesmo que o celular com o app esteja sem conexão ou bateria, um dos pontos fracos atuais do WhatsApp Web.

E5ktrQ4XwAA0w9v
Uso em múltiplos aparelhos independentes deve ser testado em breve / © WABetaInfo

Migração de histórico entre iOS e Android

Atualizado em 7 de julho: outra aguardada novidade teve os primeiros sinais de desenvolvimento em uma versão de testes para iPhone. Os responsáveis pelo WhatsApp preparam uma ferramenta que permitirá transferir o histórico de chat entre Android e iOS (e vice-versa). Pena que o recurso não chegou à tempo na versão Windows Phone...

O recurso foi revelado pelo perfil do site WABetaInfo no Twitter, que incluiu um vídeo com as telas preliminares da ferramenta, ainda sem previsão de lançamento..

Fotos e vídeos que só podem ser vistos 1 vez

Atualizado em 30 de junho: o WhatsApp começou a liberar aos poucos a opção de enviar fotos e vídeos que só podem ser vistos uma vez, e depois se apagam no histórico da outra pessoa. O aplicativo deixa claro que o contato ainda tem a opção de capturar a tela, como você confere na notícia que escrevemos sobre a novidade:

Suporte a múltiplos aparelhos simultâneos

Atualizado em 22 de junho: em entrevista ao site WABetaInfo, Will Cathcart e o próprio Mark Zuckerberg confirmaram que o recurso de uso do WhatsApp em múltiplos dispositivos deve ser lançado nos próximos meses. E o site revelou recentemente mais detalhes e limitações do recurso, que deve entrar em breve em beta teste.

Há muitos meses em desenvolvimento, o recurso permitirá usar a conta do WhatsApp em mais de um aparelho — por exemplo o PC, outro aparelho com navegador web e o smart display Facebook Portal —, com uma importante diferença em relação ao atual WhatsApp Web: sem que o celular com o aplicativo esteja conectado à internet.

Pelo menos nas versões iniciais do recurso, ele estará disponível em até quatro aparelhos adicionais, que podem usar tanto o WhatsApp Web, WhatsApp Desktop (Windows e macOS) ou o Facebook Portal. O aguardado recurso de compartilhar o acesso à conta em um segundo celular, porém, ao que tudo indica está descartada na primeira versão de teste da novidade.

WA beta multi device
Recurso estará inicialmente limitado a um único celular / © WABetaInfo

Com isso, apesar de ser possível usar o WhatsApp no celular usando truques como o modo de exibição desktop, não será possível usar o próprio aplicativo do WhatsApp em um segundo smartphone, pelo menos inicialmente.

Outra limitação destacada pela tela preliminar do recurso é que os contatos precisam ter uma versão atualizada do WhatsApp no aparelho, caso contrário não receberão mensagens e chamadas feitas a partir dos aparelhos secundários.

Will Cathcart — chefe da divisão responsável pelo WhatsApp no Facebook — revelou ao WABetaInfo que o uso de múltiplos dispositivos com uma única conta do WhatsApp deve entrar em testes nos próximos dois meses, mas não divulgou uma previsão do lançamento do recurso para todas as pessoas.

Busca de figurinhas

Atualizado em 12 de maio: você já perdeu (muito) tempo procurando por aquela imagem perfeita em meio às dezenas de pacotes de figurinhas no WhatsApp? Pois o app já testa um recurso que permite buscar pelo sticker desejado.

O recurso funciona com uma barra de busca na listagem de figurinhas, o WhatsApp sugere imagens relacionadas ao texto digitado, com base nas descrições das imagens nos pacotes oficiais — o desenvolvedor do app Sticker Maker declarou ao site WABetaInfo que pretende incluir o recurso.

A novidade ainda não está disponível nas versões de teste do WhatsApp, nem possui previsão de lançamento no aplicativo para Android e iOS.

Notificação de sincronização com outros dispositivos

Atualizado em 12 de maio: na versão beta 2.21.10.6, o site WABetaInfo encontrou uma nova notificação do WhatsApp, avisando quando o app está sincronizando mensagens com outros celulares (ou tablets e PCs).

WA SYNCING ANOTHER DEVICE ANDROID
Notificação estará disponível com o lançamento do recurso de uso em múltiplos dispositivos / © WABetaInfo

O alerta funciona em conjunto com o recurso de transferência do histórico de mensagens, que permite acessar mensagens antigas em todos os aparelhos cadastrados com a conta do WhatsApp.

O site especula ainda que a notificação serve ainda para avisar quando outras opções de bate-papo estiverem sincronizando, como mensagens favoritadas ou apagadas para todos os participantes — mensagens apagadas só para você ou a remoção de conversas inteiras não serão sincronizadas entre aparelhos.

Aviso de status para backups protegidos com senha

Atualizado em 12 de maio: ainda em desenvolvimento, a opção de proteção das cópias de segurança com criptografia recebeu uma mensagem status na tela de backups das conversas do WhatsApp.

Backups criptografados
Tela de backups indicará quando as cópias de segurança estão protegidas por criptografia / © WABetaInfo

A novidade foi encontrada na versão beta 2.21.10.2 para Android pelo site WABetaInfo, mas tudo indica se tratar de um teste de layout, já que pouco abaixo da mensagem "Criptografado de ponta-a-ponta", a tela ainda exibe o atual aviso de que:

Arquivos de mídia e mensagens armazenados no Google Drive não são protegidos pela criptografia de ponta a ponta do WhatsApp. 

Enviar (e receber) dinheiro pelo WhatsApp

Atualizado em 5 de maio: a principal novidade do WhatsApp nos últimos tempos finalmente começou a ser liberada para os brasileiros nesta terça-feira (4). Após a liberação pelo Banco Central no final de março, o Facebook disponibilizou para algumas pessoas a opção de enviar e receber dinheiro pelo app.

Para usar o recurso, é preciso ter um cartão com a função débito ou pré-pago de um dos bancos parceiros:

  • Banco do Brasil (Visa)
  • Banco Inter (Mastercard)
  • Bradesco (Visa)
  • Itaú (Mastercard)
  • Mercado Pago (Visa)
  • Next (Visa)
  • Nubank (Mastercard)
  • Sicredi (Mastercard ou Visa)
  • Woop (Visa)

Quem já recebeu a novidade pode usá-la a partir do botão de Anexar (clipe de papel, o mesmo usado para envio de fotos e localização), com a nova função Pagamento. No primeiro uso, é preciso aceitar as regras do Facebook Pay — responsável por processar os pagamentos em parceria com a Cielo — e cadastrar um dos cartões aceitos.

As transferências de dinheiro no WhatsApp podem incluir uma observação — vaquinha pro aniversário da Camila, por exemplo —  e ficam registradas no histórico do chat.

O WhatsApp não divulgou quando o recurso será liberado para todos os brasileiros, nem revelou quando poderá ser usado para pagamentos em lojas cadastradas no WhatsApp Business. Ah, as transferências não estão disponíveis no WhatsApp Web ou no app para desktop.

Backups criptografados

Atualizado em 5 de maio: na versão beta 2.21.10.2, o app incluiu referências a um novo sistema de backups, com proteção de criptografia de ponta a ponta. A novidade protege com senha até mesmo as cópias de segurança guardadas no Google Drive, dificultando a vida de hackers e curiosos (e até mesmo do Google e Facebook!).

WhatsApp Encrypted backup
Senha impede que pessoas com acesso ao seu Google Drive possam espiar suas mensagens / © WABetaInfo

O site WABetaInfo divulgou prints preliminares das telas, que pedem para que o dono da conta forneça uma senha com pelo menos oito dígitos. A senha é pedida, por exemplo, ao restaurar o backup em um novo celular.

Como testar os recursos do WhatsApp antes do lançamento

Para se inscrever no programa de testes do WhatsApp é preciso se cadastrar na página de beta do aplicativo, disponível para Android na Play Store e iOS na App Store. As vagas são limitadas, então é necessário esperar pela liberação de novas inscrições.

Depois, é só atualizar o aplicativo normalmente pela loja de apps do Android ou iOS. Para garantir o uso da versão beta mais atual, recomenda-se ainda ativar a atualização automática de aplicativos no smartphone.

Mesmo entre os inscritos nos testes, a liberação dos recursos é feita de forma gradual. Ou seja, nem todos os participantes do beta recebem as novidades ao mesmo tempo. Além disso, vale repetir que os recursos mencionados como beta não têm previsão de lançamento, podendo sofrer alterações até chegar ao app normal.


Nota: este artigo é atualizado com novidades do WhatsApp, tanto já disponíveis no aplicativo, quanto ainda em desenvolvimento ou testes. Os comentários abaixo podem fazer referências a versões antigas do app, ou a recursos já descontinuados.

Gostou do artigo? Então compartilhe!
Comentar agora

Os comentários favoritos dos leitores

  • Emerson Morais 27/09/2017

    sobre a restrição de emojis no nome de perfil, eu ia criticar a atitude do whatsapp, mas ai lembrei que ainda tem gente que acredita que vai ganhar função extra clicando em link de corrente e fornecendo dados pessoais, tem gente que ainda acredita que foi sorteado naquele MSN maroto cheio de erros de ortografia, enfim, sendo assim tenho que admitir que eles tem razão na restrição ¯\__(ツ)__/¯

  • Soterio Salles 27/09/2017

    Pois é... Infelizmente no Brasil temos muitos usuários de "Zap Zap" que não se dão ao trabalho de revisar configurações de segurança ou sequer sabem o que é isso... A inclusão digital chegou rápido mas a instrução digital sequer veio...

  • David CD 25/08/2016

    Uma coisa é fato. Se o Whatsapp tivesse vindo depois dos concorrentes, jamais teria se popularizado.

  • Lígia B. 16/01/2018

    Eliminar fake news, promoções falsas, golpes virtuais... Falta eliminar as gifs de bom dia com ursinho que as tias mandam nos grupos de família (já que não dá pra tirar tecnologia da mão das tias)...

  • Lucas Goulart F. 06/07/2017

    Além de demorar ainda veio capado. 100MB é muito pouco!

2.344 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Jairo rios há 2 meses Link para o comentário

    Bom trabalho sobre a cronologia de evolução do app nos últimos tempos.


  • ashishkumarji há 4 meses Link para o comentário

    I remembered that there are still people who believe they will gain extra function by clicking on the current


  • Luan Machado há 4 meses Link para o comentário

    Uso obrigatoriamente pelo grupo da empresa 😂


  • Roberto Oliveira há 4 meses Link para o comentário

    So mais um comentario falando que isso ja existia no Telegram > 26/04/2021: aumentar velocidade de mensagens de audio


  • Camila Rinaldi
    • Admin
    • Equipe
    há 4 meses Link para o comentário

    Artigo atualizado com as novidades que apareceram nessa semana referentes ao WhatsApp.


  • José Luís Silva Martiniano 31/07/2018 Link para o comentário

    Atualização semanal do whats!!


  • VictorDunguinha 31/07/2018 Link para o comentário

    Bacana, agora só falta poder mudar o negocio de grupo para que a gente escolha antes aceitar ou não entrar no grupo seria bom vejo muita gente pedindo isso, eu mesmo não ligo muito mas seria bom pra todos


  • Thiago Hardwell 31/07/2018 Link para o comentário

    Ainda prefiro o GB Whatsapp.


  • José Luís Silva Martiniano 29/06/2018 Link para o comentário

    Atualização meia boca, essa do whats, a impressão que dá é que eles estão mais perdidos que cego em meio de tiroteio.


    • Luan Machado há 4 meses Link para o comentário

      Concordo o Zuck quer implementar tanta coisa, que o app chega a ficar confuso


  • Denis 29/06/2018 Link para o comentário

    Sobre essa última "novidade"... para que eu vou entrar ou permanecer em um grupo aonde os administradores escolhem quem pode ou não falar. Ridículo isso.


  • Lucas Goulart F. 29/06/2018 Link para o comentário

    Vai ser tipo os canais do Telegram. Vamos ver se isso eles fazem direito.

    Enquanto isso, o Telegram recebeu uma atualização bem interessante essa semana. Agora ao segurar na imagem de um chat é mostrada uma prévia da conversa, e você pode ler as mensagens sem a pessoa saber que foi lido.


  • Paulo Ricardo 29/06/2018 Link para o comentário

    Isso não é grupo e sim "canal" (canal de comunicação), e é bem útil. Não foi um fracasso no telegram e não será no WhatsApp, pois existem aplicações úteis para esse recurso.


  • Victor Lima 29/06/2018 Link para o comentário

    enfim... pode ser útil em alguns grupos


  •   41
    Conta desativada 29/06/2018 Link para o comentário

    Foram necessários quase seis anos para que o WhatsApp na sua fase beta apresente TODOS os recursos que o Telegram trouxe no seu lançamento.

    Que descaso...


  • Saulo C. 29/06/2018 Link para o comentário

    O recurso de grupos onde somente os admins podem falar só fazem sentindo com uma API para terceiros mandarem mensagens. Seria interessante receber avisos da empresa no whatsapp


  • Marcio S. 29/06/2018 Link para o comentário

    Atenção usuários do Whatsapp para o toque de 5 segundo para esses grupos que só ADMs falam deixarem de existir....
    1 (marcela, thiago sairam)
    2 (joão, claúdia, serafina sairam)
    3 (pedro saiu)
    4 (adm Bruno: galera não saiam)
    5 (adm Stella apagou o grupo).

    ......Whatsapp desiste do recurso


    • Paulo Ricardo 29/06/2018 Link para o comentário

      Esse é recurso é útil para criação de canal de comunicação, assim evita bobagens e só é postado as informações relevantes para o qual o grupo foi criado. No telegram isso nem se chama grupo, e sim "canal", esse é o nome certo.


    • Tenente Zureta 07/07/2018 Link para o comentário

      Só a geração frescura total se incomoda c isso. Eh uma função mt interessante para grups voltados a informações administrativas onde só duas ou tres pessoas tem acesso as info e repassam aos demais....evitando q se criem conversas paralelas e tb o envio de fts e vídeos onde o propósito do grupo nao eh esse. Parabéns whatsapp.


  • AC&MM 29/06/2018 Link para o comentário

    Honestamente, até hoje, eu aimda não vi nada que justifique a importância desse recurso.

Mostrar todos os comentários
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.