Atualização do WhatsApp: tudo sobre as novidades do mensageiro

Atualizado: Busca de figurinhas, aviso de backup criptografado e sincronização de aparelhos
Atualização do WhatsApp: tudo sobre as novidades do mensageiro

O WhatsApp não para de receber novidades, geralmente os recursos são testados primeiro entre os participantes do beta teste, mas logo acabam chegando também para todas as pessoas. Confira as últimas novidades que chegam com a atualização do WhatsApp, incluindo a futura busca de figurinhas.

Aviso: nem todos os recursos citados em fase beta são distribuídos no app tradicional. Muitas vezes, o visual é alterado ou a novidade acaba sendo descartada em resposta à reação dos testadores beta. Além disso, algumas novidades — caso do uso em vários aparelhos, ou integração com sistema de pagamentos —, costumam levar mais tempo na fase de testes.

Pegue um atalho

Principais novidades que chegam com a atualização do WhatsApp

Busca de figurinhas

Atualizado em 12 de maio: você já perdeu (muito) tempo procurando por aquela imagem perfeita em meio às dezenas de pacotes de figurinhas no WhatsApp? Pois o app já testa um recurso que permite buscar pelo sticker desejado.

O recurso funciona com uma barra de busca na listagem de figurinhas, o WhatsApp sugere imagens relacionadas ao texto digitado, com base nas descrições das imagens nos pacotes oficiais — o desenvolvedor do app Sticker Maker declarou ao site WABetaInfo que pretende incluir o recurso.

A novidade ainda não está disponível nas versões de teste do WhatsApp, nem possui previsão de lançamento no aplicativo para Android e iOS.

Notificação de sincronização com outros dispositivos

Atualizado em 12 de maio: na versão beta 2.21.10.6, o site WABetaInfo encontrou uma nova notificação do WhatsApp, avisando quando o app está sincronizando mensagens com outros celulares (ou tablets e PCs).

WA SYNCING ANOTHER DEVICE ANDROID
Notificação estará disponível com o lançamento do recurso de uso em múltiplos dispositivos / © WABetaInfo

O alerta funciona em conjunto com o recurso de transferência do histórico de mensagens, que permite acessar mensagens antigas em todos os aparelhos cadastrados com a conta do WhatsApp.

O site especula ainda que a notificação serve ainda para avisar quando outras opções de bate-papo estiverem sincronizando, como mensagens favoritadas ou apagadas para todos os participantes — mensagens apagadas só para você ou a remoção de conversas inteiras não serão sincronizadas entre aparelhos.

Aviso de status para backups protegidos com senha

Atualizado em 12 de maio: ainda em desenvolvimento, a opção de proteção das cópias de segurança com criptografia recebeu uma mensagem status na tela de backups das conversas do WhatsApp.

Backups criptografados
Tela de backups indicará quando as cópias de segurança estão protegidas por criptografia / © WABetaInfo

A novidade foi encontrada na versão beta 2.21.10.2 para Android pelo site WABetaInfo, mas tudo indica se tratar de um teste de layout, já que pouco abaixo da mensagem "Criptografado de ponta-a-ponta", a tela ainda exibe o atual aviso de que:

Arquivos de mídia e mensagens armazenados no Google Drive não são protegidos pela criptografia de ponta a ponta do WhatsApp. 

Enviar (e receber) dinheiro pelo WhatsApp

Atualizado em 5 de maio: a principal novidade do WhatsApp nos últimos tempos finalmente começou a ser liberada para os brasileiros nesta terça-feira (4). Após a liberação pelo Banco Central no final de março, o Facebook disponibilizou para algumas pessoas a opção de enviar e receber dinheiro pelo app.

Para usar o recurso, é preciso ter um cartão com a função débito ou pré-pago de um dos bancos parceiros:

  • Banco do Brasil (Visa)
  • Banco Inter (Mastercard)
  • Bradesco (Visa)
  • Itaú (Mastercard)
  • Mercado Pago (Visa)
  • Next (Visa)
  • Nubank (Mastercard)
  • Sicredi (Mastercard ou Visa)
  • Woop (Visa)

Quem já recebeu a novidade pode usá-la a partir do botão de Anexar (clipe de papel, o mesmo usado para envio de fotos e localização), com a nova função Pagamento. No primeiro uso, é preciso aceitar as regras do Facebook Pay — responsável por processar os pagamentos em parceria com a Cielo — e cadastrar um dos cartões aceitos.

As transferências de dinheiro no WhatsApp podem incluir uma observação — vaquinha pro aniversário da Camila, por exemplo —  e ficam registradas no histórico do chat.

O WhatsApp não divulgou quando o recurso será liberado para todos os brasileiros, nem revelou quando poderá ser usado para pagamentos em lojas cadastradas no WhatsApp Business. Ah, as transferências não estão disponíveis no WhatsApp Web ou no app para desktop.

Backups criptografados

Atualizado em 5 de maio: na versão beta 2.21.10.2, o app incluiu referências a um novo sistema de backups, com proteção de criptografia de ponta a ponta. A novidade protege com senha até mesmo as cópias de segurança guardadas no Google Drive, dificultando a vida de hackers e curiosos (e até mesmo do Google e Facebook!).

WhatsApp Encrypted backup
Senha impede que pessoas com acesso ao seu Google Drive possam espiar suas mensagens / © WABetaInfo

O site WABetaInfo divulgou prints preliminares das telas, que pedem para que o dono da conta forneça uma senha com pelo menos oito dígitos. A senha é pedida, por exemplo, ao restaurar o backup em um novo celular,  

Revisar áudios antes de enviar

Atualizado em 5 de maio: um recurso que deve ser muito bem vindo foi revelado pelo (como sempre) WABetaInfo, ainda não disponível, nem mesmo entre os participantes do beta, o WhatsApp prepara um botão para escutar as mensagens de áudio antes de mandar.

Quando for lançado, o recurso vai acabar com o drama de ter que explicar por que você apagou uma mensagem — que na verdade era um áudio estragado por um caminhão passando na rua bem na hora. Um novo botão durante a gravação permitirá conferir a mensagem gravada antes de enviá-la para o contato ou grupo, infelizmente, não há uma data esperada para o lançamento da opção.

Mensagens temporárias poderão durar apenas 24 horas

Atualizado em 27 de abril: no beta de versão 2.21.9.6, o site WABetaInfo encontrou uma tela em testes — ao que tudo indica apenas entre os desenvolvedores — que permite alterar a validade das mensagens temporárias. Além da atual opção de sete dias, o menu permite definir um prazo de 24 horas, após este período a mensagem é apagada de todos os históricos.

WhatsApp Beta disappearing messages 24h
App testa opção que destrói mensagens temporárias em 24 horas / © WABetaInfo

A tela foi encontrada tanto na versão de testes para Android quanto para iOS, e ela explica que qualquer participante da conversa pode alterar a configuração, inclusive para desligar o recurso. No caso dos grupos, os administradores têm a opção de restringir quem pode alterar a configuração.

Mensagens poderão ser apagadas em apenas um dispositivo

Atualizado em 27 de abril: outra novidade revelada pelo site, desta vez na versão 2.21.9.5, foi uma nova tela para apagar conversas em aparelhos conectados. O recurso em desenvolvimento funciona em conjunto com a aguardada opção de uso da conta em mais de um aparelho, porém, a remoção das mensagens acontece apenas no celular em uso.

WhatsApp Beta DELETION ANDROID
Mensagem sugere que históricos em diferentes celulares serão independentes / © WABetaInfo

O WhatsApp avisa na notificação que o conteúdo da conversa será removido do dispositivo atual, mas não de outros smartphones ou tablets conectados à conta. Como o recurso de uso em múltiplos dispositivos ainda não tem previsão de lançamento, é possível que a opção ou a tela mudem antes de chegarem ao aplicativo.

Controle de velocidade para áudios

Na versão beta 2.21.9.4, o WhatsApp passou a liberar a opção para acelerar a reprodução de áudios. Com a novidade, é possível ouvir as mensagens aceleradas em 1,5 ou 2 vezes. Segundo o site WABetaInfo, quem recebeu o recurso encontrará um símbolo de multiplicação ao lado da barra de progresso do áudio.

WA PLAYBACK SPEED ANDROID
Novo ícone é exibido ao lado da barra de progresso do áudio / © WABetaInfo

Ao tocar no ícone, o WhatsApp alterna entre a velocidade normal (1x), 50% mais rápido (1,5x) ou 100% mais rápido (2x). A opção de acelerar áudios deve ser muito bem recebida, especialmente nos casos de mensagens longas, com muitas pausas (provavelmente o caso do áudio de 18 minutos na imagem acima).

Transferir o histórico de mensagens entre Android e iOS

O que parecia improvável começou a mostrar os primeiros sinais de desenvolvimento. Trata-se da opção de migrar o histórico de chats entre as versões do Android e iOS. Os primeiros sinais do recurso foram encontrados pelo site WABetaInfo no começo de abril de 2021.

WABetaInfo CHAT MIGRATION IOS
Opção permitirá transferir o histórico de conversas e grupos entre o iPhone e o Android / © WABetaInfo

O site publicou uma captura de tela da versão iOS de uma nova página Move chats to Android (Mover conversas para o Android, em tradução direta). Segundo o WABetaInfo, o recurso funciona em conjunto com a futura opção de uso do WhatsApp em múltiplos dispositivos, incluindo combinações de celulares Android e iPhones.

Ainda sem previsão de lançamento, a transferência de chats entre os diferentes sistemas promete aposentar soluções não-oficiais além de versões piratas do "Zap", como o GB WhatsApp e Plus.

Fotos e vídeos que se apagam automaticamente

Após o lançamento das mensagens temporárias — que se apagam após 7 dias — o WhatsApp prepara uma opção mais radical, que permite ver o nude a foto ou vídeo apenas uma vez antes que o arquivo seja apagado.

WABetaInfo self destructing media
Notificação deixa claro que a outra pessoa poderá tirar um print da tela / © WABetaInfo

O recurso foi flagrado na versão beta 2.21.9.2 pelo WABetaInfo, que compartilhou um print com a explicação do recurso. No lugar do símbolo de relógio das mensagens temporárias, o envio privado de mídias deixa claro que a visualização é única com o número "1" no ícone.

A mensagem deixa claro que a pessoa que recebe a foto ou vídeo poderá fazer uma captura de tela, indicando que o WhatsApp não incluirá um sistema para impedir prints das imagens privadas.

Banco Central aprova transferências pelo WhatsApp, que inclui relatório

No final de março, o Banco Central aprovou a empresa Facebook Pagamentos do Brasil Ltda. a operar como iniciadora de transações de pagamentos. Segundo o BC, a medida permite que o Facebook Pay realize transferências de valores entre pessoas que usam o WhatsApp, além de sistemas semelhantes no Facebook e Instagram, serviço que ainda não tem previsão de estreia.

A autorização a princípio não vale para compras, em um processo que segue em análise pelo banco. Paralelo a isso, o WhatsApp beta recebeu uma opção na versão 2.21.8.8 para gerar um relatório das informações e configurações de pagamento.

WhatsApp paymentinfo
Dados podem ser usados para consulta ou importação em outros apps / © WABetaInfo

A captura de tela divulgada pelo WABetaInfo mostra que será preciso informar o CPF para gerar o documento, que inclui apenas as informações no próprio WhatsApp, sem envolver dados do Facebook Messenger ou Facebook Pay. 

A tela explica ainda que os dados poderão ser importados em outros apps, provavelmente outros serviços de pagamentos ou, quem sabe, o aplicativo de Imposto de Renda.

Como testar os recursos do WhatsApp antes do lançamento

Para se inscrever no programa de testes do WhatsApp é preciso se cadastrar na página de beta do aplicativo, disponível para Android na Play Store e iOS na App Store. As vagas são limitadas, então é necessário esperar pela liberação de novas inscrições.

Depois, é só atualizar o aplicativo normalmente pela loja de apps do Android ou iOS. Para garantir o uso da versão beta mais atual, recomenda-se ainda ativar a atualização automática de aplicativos no smartphone.

Mesmo entre os inscritos nos testes, a liberação dos recursos é feita de forma gradual. Ou seja, nem todos os participantes do beta recebem as novidades ao mesmo tempo. Além disso, vale repetir que os recursos mencionados como beta não têm previsão de lançamento, podendo sofrer alterações até chegar ao app normal.


Nota: este artigo é atualizado com novidades do WhatsApp, tanto já disponíveis no aplicativo, quanto ainda em desenvolvimento ou testes. Os comentários abaixo podem fazer referências a versões antigas do app, ou a recursos já descontinuados.

ÚLTIMOS ARTIGOS

Os comentários favoritos dos leitores

  • Emerson Morais 27/09/2017

    sobre a restrição de emojis no nome de perfil, eu ia criticar a atitude do whatsapp, mas ai lembrei que ainda tem gente que acredita que vai ganhar função extra clicando em link de corrente e fornecendo dados pessoais, tem gente que ainda acredita que foi sorteado naquele MSN maroto cheio de erros de ortografia, enfim, sendo assim tenho que admitir que eles tem razão na restrição ¯\__(ツ)__/¯

  • Soterio Salles 27/09/2017

    Pois é... Infelizmente no Brasil temos muitos usuários de "Zap Zap" que não se dão ao trabalho de revisar configurações de segurança ou sequer sabem o que é isso... A inclusão digital chegou rápido mas a instrução digital sequer veio...

  • David CD 25/08/2016

    Uma coisa é fato. Se o Whatsapp tivesse vindo depois dos concorrentes, jamais teria se popularizado.

  • Lígia B. 16/01/2018

    Eliminar fake news, promoções falsas, golpes virtuais... Falta eliminar as gifs de bom dia com ursinho que as tias mandam nos grupos de família (já que não dá pra tirar tecnologia da mão das tias)...

  • Lucas Goulart F. 06/07/2017

    Além de demorar ainda veio capado. 100MB é muito pouco!

2.343 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Mostrar todos os comentários
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.