NextPit

Perdedores e perdedores: que raios de semana foi essa?

Perdedores e perdedores: que raios de semana foi essa?

Ha, finalmente posso escrever coluna semanal do NextPit "Vencedores e perdedores". Nada foi cor-de-rosa para mim na semana passada. O novo mega chip da Qualcomm — chato, a Apple deve lançar um celular com um design de cinco anos e meu Pixel 6 ligou sozinho para a ambulância. Bem-vindo à edição especial "Perdedores e perdedores".

Talvez seja o véu cinza que se instalou sobre a cidade no início da semana ou a ressaca depois da Black Friday 2021. A semana passada não me convenceu de nada em termos de notícias. Surgiram relatos bastante negativos e quando algo positivo chegava via Google News, Flipboard e similares, era com um alarme falso.

Mas como todos sabemos, a negatividade dá muito mais ibope na rede! E embora eu tenha a tendência de passar os dias no nível emocional de um mestre Zen, hoje vou xingar muito no Twitter soltar os cachorros! Porque o que tem acontecido no mundo da tecnologia esta semana....

Então começamos com o perdedor da semana! Este título vai para ...

Perdedor: novo chip top da Qualcomm tem recurso que não desliga a câmera

Meu amigo Marcel do site Allround-PC realmente me deixou com ciúmes no Instagram esta semana! Porque a Tech Summit da Qualcomm está sendo realizada atualmente no Havaí, onde o novo Snapdragon 8 Gen 1 foi apresentado. Foi lá que conhecemos o novo precessador premium que irá alimentar modelos como Galaxy S22 (nos EUA e China), Xiaomi 12 e Oppo Find X4 Pro em 2022.

snapdragon 8 gen 1 hero 1
Sempre espetacular: imagens dos componentes de celulares / © Qualcomm

Mas a empresa dá sinais de que pode ter se acomodado um pouco em relação às rivais, como você confere no resumo escrito pelo Rubens sobre o novo chip. A mesma configuração de processadores, um pouco mais de potência, suporte para resoluções de 200 megapixels no ISP e é praticamente isso.

Um detalhe que quase passou despercebido, mas tem um potencial enorme para polêmica, é o recurso do novo processador, que permite manter ativado a câmera frontal o tempo todo. O argumento a favor do recurso é que os celulares poderão ficar atentos para detectar nossos rostos, "mesmo que [... não toquemos ou levantemos o smartphone para ativá-lo" - como disse um executivo da marca.

Quem acha que isso é uma boa idéia? Nas discussões atuais sobre dados e segurança pessoal, faria mais sentido que o ISP do novo system-on-a-chip pudesse ser desligado completamente ou algo parecido com isso!

Perdedor: a Apple recicla um design de 8 anos

O segundo destaque da semana, pelo qual já prevejo muitas críticas nos comentários: trata da Apple, que já teria o iPhone SE 3 em produção e está planejando um lançamento para março de 2022. Mesmo sendo um novo usuário de MacBook, estou atualmente tentando me tornar cada vez mais amigável com a empresa de Cupertino, mas a notícia desta semana me deixa com o pé atrás com a empresa.

IMG 1536
Certamente ninguém ficará chocado em 2022: O design do iPhone SE 2, o iPhone SE, o iPhone 8, o iPhone 7, o iPhone 6! / © NextPit

Aparentemente, o lançamento da Apple manterá o design do iPhone SE (2020) — e, por tabela, o visual do iPhone 6. Um celular de 8 (!) anos de idade. Na prática, isto não chega a ser ruim, porque o design era funcional naquela época e assim é agora. Entretanto, a Apple já mostrou com o iPhone 13 mini e o iPhone 12 mini como os iPhones podem ser pequenos e acessíveis.

A Apple se vê, com toda razão, como uma pioneira em inovação. Poucos anos atrás, trouxe o entalhe, que logo apareceu em uma série de outros modelos. Mas o mesmo não parece acontecer com seus dispositivos de entrada, que herdam designs antigos como um filho mais novo mal amado pelos pais.

Isso seria uma pena, porque já era hora da Apple disponibilizar o melhor da experiência com o iOS 15 para quem não pode pagar R$ 5.000 em um iPhone, sem bordas grossas e o pouco aproveitamento da área frontal. Mesmo trazendo um hardware de 2021, mas ainda limitado pelas restrições de um design de 2013.

O que você achou da seleção da semana? E desta pilha de lamentações que descarreguei em forma de texto. Deixe sua opinião nos comentários. Desabafar é sempre bom de vez em quando.

Gostou do artigo? Então compartilhe!
Comentar agora

Artigos recomendados

5 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Gustavo Mendonça há 1 mês Link para o comentário

    Já que é pra reciclar designs, a Apple poderia fazer a 3º geração do SE com a carcaça do Xr, pelo menos daria um ar mais moderno ao modelo e não parecer um iPhone datado.


    • Rubens Eishima
      • Admin
      • Equipe
      há 1 mês Link para o comentário

      Verdade, manteria a tradição do SE de reaproveitar o maquinário existente.

      Mas aí teria que incluir o Face ID? já que não teria o botão de início... E talvez aí reduziria a margem de lucro da Apple...


  • Jairo rios há 1 mês Link para o comentário

    O SE2 , além do design datado , provavelmente também virá novamente com uma bateria de capacidade pífia, poderiam colocar o paninho da Apple de 300 reais como brinde neste gadget para enxugar as lágrimas dos iUsers -)


  • Douglas há 1 mês Link para o comentário

    Vou dizer algo, vai uma pequena proza poética depois uma palavra que soe bonita, uma colocação bem extrovertida e no fim resumi tudo que foi dito no post..
    No final não disse absolutamente nada..
    Segue o padrão de comentários daqui.


  • Penskemen há 1 mês Link para o comentário

    A Qualcomm depois do seu apogeu, ao meu ver subiu no telhado (e essa falha expõe isso).
    Numa breve pensata eu diria; tudo que sobe um dia cai...
    Já quanto a Apple não tenho dúvida nenhuma que o novo Apple (mesmo mantendo o visual retrô) será um sucesso, pois "o cliente fiel da maçãzinha" vai continuar comprando qualquer coisa que ela lançar...

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.