Vencedores e perdedores da semana: Honor livre e OnePlus em xeque

Vencedores e perdedores da semana: Honor livre e OnePlus em xeque

Mais uma semana chegou ao final e nos últimos sete dias, a equipe do NextPit não teve trabalhopara determinar o vencedor e o perdedor desta edição. Honor e OnePlus foram escolhidas e em nossa análise semanal no NextPit você pode descobrir quais foram os motivos.

O tempo está literalmente correndo, e falta pouco para o meio do ano, nem parece que a WWDC foi há mais uma semana. Eventos como este ainda têm impacto, é claro, e você notou isso no NextPit. Precisávamos falar novamente sobre as vantagens de atualização que o iOS tem sobre o Android, além de discutirmos o watchOS 8 e o aplicativo de mindfulness com o relógio inteligente da Apple. Olhando mais para frente, espera-se que a Série 8 do Apple Watch traga novos e importantes recursos de saúde.

apple watch hub hero
O Apple Watch está em uma categoria à parte quando se trata de relógios inteligentes / © NextPit

Notícias do Google, Microsoft e Samsung

Mas outros grandes nomes do mundo da tecnologia também foram notícia esta semana. AMicrosoft, por exemplo: a empresa sediada em Redmond está pronta para revelar notícias sobre o Windows na próxima semana, mas já vazou imagens que trazem uma primeira espiada no Windows 11.

O Google, por sua vez, revelou novos recursos de software para o Android de uma só vez, que estão sendo lançados lentamente para os aparelhos. Quanto ao hardware do Google, houve uma notícia, embora não oficial: a Samsung produzirá os painéis de 7,6 polegadas para o primeiro Pixel Foldable.

Falando da Samsung, os rumores também estão se acumulando sobre o Galaxy S22 - esta semana, as notícias circularam em torno do uso de policarbonato plástico em alguns modelos no próximo ano. Tenho certeza de que, para alguns de nossos leitores, este seria um motivo para pensar na Samsung como perdedora da semana, caso isso se confirme.

Depois de ter a sensação de que a festa dos jogos E3 perdeu um pouco do brilho neste ano e houve várias decepções para digerir, ainda há algo positivo para o meu coração gamer: Diablo II: Ressurrected será lançado em 23 de setembro. Está saindo para PC e, é claro, várias plataformas de console, e sim: tenho que admitir que estou pronto para a clássica carnificina de ação e aventura!

Falando em carnificina, passemos aos vencedores e perdedores desta semana, como escolhido pela equipe editorial do NextPit: a coroa vai para Honor, deixando apenas o canto do perdedor para a OnePlus.

Vencedor da semana: Honor — Independência!

Na China, a Honor lançou seu primeiro celular independente da Huawei no início do ano com o Honor View 40. Agora os chineses, livres das restrições da Huawei, apresentaram o Honor 50 seu primeiro smartphone desde a venda da marca, que também chega à Europa, Oriente Médio e alguns países da América Latina (por enquanto nada do Brasil).

Honor
Atraente não apenas por causa dos serviços do Google: Honor 50 / © Zealer/Weibo

Agora, claro, só um novo celular não faz de um fabricante o vencedor da semana. Mas neste caso, as coisas são diferentes, porque podemos aguardar com expectativa o retorno dos serviços do Google nos smartphones Honor, o que antes estava proibido pelas sanções dos Estados Unidos.

Assim, os aparelhos da Honor novamente se tornam atraentes. Só de pensar na Huawei mostra o quanto afeta uma marca quando ela não pode contar com os serviços do Google fora da China. A Honor não só anunciou dois novos smartphones com o Honor 50 e Honor 50 Pro, como também soltou a voz para divulgar a volta dos serviços do Google.

Perdedor: OnePlus — Ou morte?

Isto nos leva agora ao lado negativo do artigo, o lado perdedor. OnePlus - por favor, dê um passo à frente! Não, o recentemente anunciado OnePlus Nord CE, que está atualmente sendo tortur testado pela Camila, não é por isso que estamos chamando o OnePlus de perdedor. O pouco empolgante Nord N200 também não oferece nenhuma razão para isso.

Não, o motivo de nosso descontentamento é o anúncio por parte da OnePlus de estreitar seus laços com a Oppo no futuro. Afinal, o CEO Pete Lau deixou escapar que a marca será mantida e apenas um dia depois, a OnePlus também declarou que nada mudaria com OxygenOS por enquanto.

Mas como já conhecemos os modelos Oppo rebatizados como celulares OnePlus e ambas as empresas se esforçarão para obter sinergias, podemos assumir que esta nova fase da empresa também envolverá o software. Vamos esperar e ver se e quais elementos do ColorOS serão encontrados nos smartphones OnePlus no futuro. Em todo caso, estamos um pouco decepcionados com o fato de que a OnePlus está sacrificando sua liberdade.

Mas não estamos nada decepcionados com seu apoio. Portanto, obrigado de toda a equipe editorial do NextPit a todos vocês por lerem, comentarem, compartilharem e, de modo geral, participarem da discussão. Desejo a todos um ótimo início para a nova semana e tenho certeza de que nos veremos todos aqui novamente.

ÚLTIMOS ARTIGOS

2 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Penskemen há 1 mês Link para o comentário

    Pois é Carsten, o que seria a grande novidade e notícia dessa semana que se inicia, se tornará o maior embuste da Microsoft. Vem aí na quinta feira mais uma "maquiagem" no Windows. E eu que apostei minhas fichas no "falecido Windows X" Tomei uma rasteira😡


  • Jairo rios há 1 mês Link para o comentário

    Nunca utilizei o Color OS , mas a Oxygen OS possui excelente usabilidade, gostava em utilizar. Acabamento traseiro em plástico em um topo de linha é lamentável , poderiam usar pelo menos alumínio, embora a maioria utilize capinha de proteção a traseira em plástico remete a um gadget de entrada .