Vencedores e perdedores da semana: OnePlus pega na trapaça, LG de volta aos trilhos!

Vencedores e perdedores da semana: OnePlus pega na trapaça, LG de volta aos trilhos!

É domingo e já era hora de fazermos uma rápida recapitulação dos principais acontecimentos tecnológicos da semana que acabou de passar! Escolher um perdedor para esta semana foi fácil. Como já você sabe pelo título, escolhemos a OnePlus desta vez porque, bem, ela foi pego trapaceando em aplicativos de benchmark. Nossa vencedora desta semana é a LG, que está se saindo extremamente bem após o fechamento de sua divisão móvel. Mas antes, vamos dar uma olhada nas outras coisas que foram manchete nesta semana.

O processo contra o Google, boatos sobre chips Apple M1X e M2

Começando pelo Google, que foi alvo de uma ação judicial nos EUA. A gigante tecnológica é acusada de "se envolver em atividades monopolísticas" na distribuição de aplicativos e pagamentos em sua plataforma Play Store. A ação movida na Califórnia acusa o Google de violar a Seção 1 e 2 das Leis Antitruste dos EUA.

Os 36 Estados por trás da ação afirmam que o Google impõe "obstáculos tecnológicos e avisos imprecisos" para impedir que os usuários utilizem aplicativos por sideload e proíbe que as fabricantes criem plataformas concorrentes de distribuição de aplicativos.

Apple M1 Macs white
A próxima geração de chipsets Apple M está chegando em breve! / © Apple

Já faz quase um ano que a Apple criou o incrível chip M1 para sua linha MacBook. Este ano, provavelmente veremos a empresa anunciar sucessores ainda mais poderosos que serão usados na próxima geração do MacBook Pros da empresa.

De acordo com o informante @Dylandkt, a nova linha de produtos MacBook Pro terá um SoC atualizado chamado Apple M1X. A empresa poderá acompanhá-lo com outro chip chamado Apple M2 no próximo ano. Este, entretanto, deverá ser menos potente que o M1X e poderá ser usado nos modelos MacBook Air da próxima geração.

Vazamentos de especificações e renderizações da Samsung

É difícil manter a Samsung afastada do ciclo de notícias. Esta semana, ouvimos falar sobre o próximo "flagship acessível" da empresa coreana, o Samsung Galaxy S21 FE. De acordo com uma listagem na TENAA, este novo celular deverá ser menor que o S20 FE do ano passado e terá um display AMOLED de 6,4 polegadas e 120 Hz. Espera-se que o dispositivo também possua uma bateria de 4.500mAh.

Galaxy Z Fold 3
O próximo Samsung Galaxy Z Fold 3 / © IceUniverse

O segundo dispositivo Samsung que apareceu nas notícias foi o próximo dispositivo dobrável da empresa - o Samsung Galaxy Z Fold 3. Renderizações do celular indicam que ele traz uma câmera de selfie sob a tela.

Também sabemos que provavelmente será equipado com o Snapdragon 888 e oferecido com até 12GB de RAM. O Galaxy Z Fold 3 também provavelmente terá uma tela dobrável de 7,5 polegadas e uma tela externa de 6,23 polegadas. Também há rumores de que ele será alimentado por uma bateria de 4.400 mAh e suportará carga com fio de 25 W e sem fio de 15 W.

Mais especificações do Google Pixel 6 e patentes Huawei

Espera-se que o Google lance sua renovada linha Pixel 6 no final deste ano. O mais novo conjunto de vazamentos indica que estes telefones também apresentarão um chipset personalizado projetado pelo Google. Os dois modelos que deverão ser lançados são o Pixel 6 e o Pixel 6 Pro.

O Pixel padrão terá um display P-OLED de 6,4 polegadas, e uma configuração de 50 MP + 12 MP para as câmeras traseiras. A capacidade da bateria deve ser de 4.614 mAh. Quanto ao Pixel 6 Pro, este dispositivo será fisicamente maior e terá um display de 6,71 polegadas.

A matriz de câmeras também é diferente graças a um conjunto triplo de câmeras em uma configuração de 50 MP (primária) + 48 MP (telefoto) + 12 MP (ultrawide). A versão Pro também terá uma bateria maior de 5.000 mAh.

pixel 6 pixel watch
O Google Pixel 6 / © RendersbyIan, Jon Prosser

A seguir é a Huawei que ainda não desistiu de sua divisão de smartphones. Rumores recentes indicam que a empresa registrou uma nova patente para um celular com uma câmera sob a tela. Os documentos foram desenterrados pelos editores do site LetsGo Digital que também indicaram que este provavelmente será um aparelho intermediário.

Vencedor da semana: LG por seu faturamento recorde

Nossa vencedora desta semana foi a LG, que recentemente publicou seus resultados do 2º trimestre. O relatório traça um quadro geral positivo e parece que a empresa está prestes a registrar sua maior receita de todos os tempos, com um crescimento de 48,4% no segundo trimestre de 2021.

A empresa publicará oficialmente seu balanço financeiro até o final de julho. A LG só teve notícias positivas depois que a empresa decidiu fechar sua deficitária divisão de celulares no início deste ano. Embora a decisão tenha entristecido um (grande?) número de fanboys da LG, parece que foi a decisão certa! O que você acha?

Ou será que o resultado é fruto das milhões de TVs OLED que a fabricante vendeu para quem achou que conseguiria comprar um PlayStation 5 ou Xbox Series X? #sonhomeu

Perdedor da semana: OnePlus enganou em benchmarks

Esta semana teve uma grande controvérsia após o site Anandtech observar que alguns dos mais novos dispositivos da OnePlus rodando uma nova versão do OxygenOS não permitem que vários apps populares usem o núcleo principal do processador Snapdragon 888.

O resultado é um desempenho limitado em aplicativos populares como o Twitter e o Chrome, ao mesmo tempo em que proporciona uma melhor vida útil da bateria. A OnePlus parece identificar cerca de 300 apps populares em uma lista, que não inclui nenhum aplicativo de benchmark.

O resultado prático é que os benchmarks "manipulados" pela OnePlus não refletem o desempenho real dos aparelhos com os aplicativos usados por você e eu. Em alguns aplicativos, o desempenho do OnePlus 9 Pro não era significativamente melhor do que um Moto G ou Redmi Note de 4 anos atrás...

Bem, isso resume as escolhas dos nossos Vencedores e Perdedores para esta semana. Você concorda com a nossa seleção? E o que você achou da polêmica da OnePlus?

ÚLTIMOS ARTIGOS

1 comentário

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Penskemen há 3 semanas Link para o comentário

    A poucos dias lí o seguinte comentário:
    " Software governará o mundo" e precisa ser ético o suficiente para não nos engolir."

    Senão vejamos...
    "A gigante tecnológica (Google) é acusada de "se envolver em atividades monopolísticas"
    Os 36 Estados por trás da ação afirmam que o Google impõe "obstáculos tecnológicos e avisos imprecisos" para impedir que os usuários utilizem aplicativos por sideload e proíbe que as fabricantes criem plataformas concorrentes de distribuição de aplicativos.

    Essa postura da "Big G" e seu queridinho Android é considerada "Ética"⁉️